Propostas de melhorias no CorreiosSaúde

As melhorias no CorreiosSaúde propostas pela comissão paritária deverão ser votadas em assembleia até o dia 31 de março de 2017.  Os trabalhadores votarão nas propostas que foram consenso entre as representações dos empregados e da empresa, e também nas propostas onde não houve acordo. De igual forma, essas melhorias serão apresentadas para deliberação da Direção dos Correios.

As representações entraram em acordo em 24 propostas, com oportunidades de melhoria nos temas Redimensionamento da Rede Credenciada, Critérios de Elegibilidade, Custeio do Pós-Emprego, Reabertura dos Ambulatórios, Plano de Medicamentos e Sistemática de Auditoria. Clique AQUI e veja todas as propostas. É importante que todos tenham conhecimento de cada uma delas.

Sobre o tema Custeio do Plano de Saúde, não houve consenso, apesar de ser o tema mais sensível de toda a comissão. O modelo de custeio atual prejudica a sustentabilidade e manutenção do plano, comprometendo o cumprimento das exigências previstas na legislação de saúde suplementar, podendo acarretar até mesmo intervenção da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS).

Conheça a proposta dos Correios e não se esqueça: manter e preservar o CorreiosSaúde é responsabilidade de todos.

Esta entrada foi publicada em Negociação Permanente e marcada com a tag , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Prezado leitor,

Só serão publicados comentários diretamente associados ao tema do post. Comentários com conteúdo ou termos ofensivos não serão publicados. Informações, dúvidas, sugestões ou reclamações sobre serviços devem ser encaminhadas ao Fale com os Correios

70 respostas a Propostas de melhorias no CorreiosSaúde

  1. j disse:

    fonte postalis — ja teremos um novo desconto do POSTALIS DB – – Além da situação financeira dos planos, André Motta também discorreu sobre o novo equacionamento do PBD relativo a 2015 (2,73%), que deverá provavelmente entrar em vigor a partir de abril. É MOLE ? mais um desconto ao que já deveria ter resolvido com o equacionamento +- 2005 . e o desconto no plano de saúde agora é o que faltava , massacre ao trabalhador de todos os lados .

    • atendente disse:

      É já sei dessa, mas uma. Vamos começa fazer as contas, após a greve do plano no máximo ate junho, veremos o que vai sobra do salario.

      • Vania disse:

        Devido a má gestão, está desse jeito ,e pelo mau uso por parte de funcionários.
        Deve ser descontado dos dependentes e funcionários que excederem.
        Chega de deixar pai e mãe,…sei lá mais quem…Nenhuma empresa tem isso.
        Isso é má gestão e quem deve cobrir o rombo???

        • luis disse:

          a administração incompetente isso sim

        • Alvanezes disse:

          Vania, não sei se tu é uma simples carteiro, ott, atendente, suporte…ou se tu exerce alguma função de confiança na ECT, no mínimo como Supervisora. O fato é que o seu comentário é discrepante com a realidade dos funcionários da empresa. Se temos hoje benefícios e direitos adquiridos, é porque houve luta, houve negociação e acordo para que tivéssemos tudo isto. Se o nosso salário base beirasse os R$3.500,00, poderíamos pensar que o plano de saúde nos moldes que temos é absurdo. Mas sendo remunerados com a merreca que recebemos, com reajustes cada vez menores ano após ano e tendo a nossa carga de trabalho aumentada por conta da não contratação de novos carteiros, além da saída dos 5.500 no último PDV, o plano de saúde no molde atual é o mínimo que a empresa tem que manter para os seus funcionários.
          Há uma outra razão para este seu comentário, talvez tu nem seja funcionária da ECT e por isso postou essa asneira acima.
          De todo o modo tu está ,no mínimo, equivocada sobre a nossa situação e na pior das hipóteses tu é uma alienada, sedada por esse sistema neo-liberal, que expropria direitos do trabalhador, para engordar ainda mais o governo, os bancos e os grandes empresários.
          A ECT está nessa situação pela má administração e pela farra da indicação de cargos feita pelos políticos.

  2. bebéu de oreia disse:

    Sugiro para essa nobre comissão parideira, que ao invés do vocábulo melhorias, se utilize o termo “pioria”. Tal termo é mais condizente com o propósito dessa comissão.

  3. Sergio disse:

    Alá, ó! Primeira etapa do cronograma cumprida:

    Sergio disse:
    1 de fevereiro de 2017 às 15:53
    Agora que a “Comissão Paritária para melhorias no CorreiosSaúde” terminou, a sequência de trabalho será:

    – sindicato e empresa não entram em acordo ♥♥♥♥♥♥♥
    – sindicato realiza assembleias
    – resultado das assembleias: rejeitar as propostas da empresa
    – empresa não aceita
    – sindicato resmunga
    – empresa faz mimimi
    – sindicato faz geve
    – empresa tenta negociar
    – sindicato diz que a empresa não negocia, empresa diz que o sindicato não negocia
    – 26 dias de greve depois, empresa entra na justiça, com 381 artigos da lei para embasar
    – sindicato perde na justiça (empresa do governo, justiça do governo, manjou?)
    – empresa implanta o que ela quer
    – sindicato chora e diz que foi golpe e culpa o pessoal da área administrativa que não fez greve
    – empresa ri à toa porque no fim ela fez o que queria desde o início
    – empregados começam o desconto mensal do Correio Saúde/Postal Saúde
    – pais são excluídos do plano
    – outros dependentes pagam mais pelo plano
    – o representante dos empregados no conselho de administração faz textão lamentando o ocorrido, mas sem reconhecer que ele não tem poder legal para nada vezes coisa alguma
    – a ADCAP faz textão lamentando o ocorrido, mas sem reconhecer que ele não tem poder legal para nada vezes coisa alguma

    (esqueci de algo?)

    E assim caminha a ECT…

    • carlos nada dos sonao disse:

      Caro Amigo pessimista

      Existe uma coisa no meio juridico que se chama de Direito Adquirido , no qual se emplaca o plano de Saúde . Não existe o risco de se tirar na justiça o plano de saúde , pois se existisse ele já teria sido tirado em dissidios anteriores . A unica maneira é com os trabalhadores renunciando de livre vontade a este direito . Mas a empresa para forçar os trabalhadores a renunciar ao Direito espalham esses boatos . Se a empresa pudesse cancelar o plano de saúde ela não montaria essa comissão paritária , elá simplesmente implantaria sua vontade

    • DENIS RICARDO INDIGNADO disse:

      esqueceu sim
      que a empresa tem 110 mil uncionarios
      e os que lutam para manter qualquer coisa neste correio e apenas 10% ou um pouquinho mais que isto por isso que a empresa ri da nossa cara
      duvido ela rir quando 80% se coicentizar e sair pra briga

      • Sergio disse:

        Denis, quase um mês depois e da paralisação de ontem, mudou o que mesmo?

        • Denis disse:

          vc teria que me perguntar sobre a greve de 40 dias que foi feita pra manter o Vale Saude e brecar o Postal Saude …MEIA DUZIA DE GATOS PINGADOS…agora muita gente chorando ja o leite derramado …isto porque nao comecou o desconto …mais vai comecar …dai meu amigo Sergio senta e chora…

    • luis disse:

      empresa nao diz nada não tem vida própria não decide e nem da opiniões.
      o que da opiniões e toma decisões estapafúrdias e incondizentes com a realidade sao os administradores de cabide de emprego que nao tem conhecimento de nada do s serviços dos correios e ficam fazendo m, desviando recursos superfaturando licitações e adquirindo produtos de quinta mas com licitação de produtos de primeira linha assim vai de bancarrota com políticos e cargos políticos onde deveria existir funcionários de carreira isso e uma pouca vergonha

  4. l disse:

    Os trabalhadores estão mobilizados. Essa proposta não será aceita. Vai parar geral!!!!!!!!!!!!!!

  5. edson ottequir disse:

    o que não entendo é o seguinte:
    O governo gasta por estimativa R$ 3,89 por dia por pessoa com o SUS, Em 30 dias dariam R$ 116,00.

    Cobrando essa mensalidade que no meu caso mulher e dois filhos ficariam + ou – R$ 378,00 mais coparticipação, Obrigatoriamente teria que ir pro SUS novamente, é demorado o atendimento é sim mais não tem coparticipação nenhuma e sairia da mesma forma do governo, só com um detalhe eu já passaria na Farmácia do postinho pra pegar medicamento, hoje não posso porque minhas receitas são particular, e se comentar, a mais tem o Postal Medicamento mais ele e só pro titular.

    Então é um tiro no pé do próprio governo porque alem de não receber a minha coparticipação ainda vai pagar meu remédio e como o tratamento no SUS é sempre mais demorado e burocrático ainda vai ter que pagar mais tempo em casa “auxilio doença”.

    Tem mais prejuízo pro governo mais nem vou citar todos, o que me pergunto é. Ninguém nessa comissão paritária teve a capacidade de mostrar esses números pra empresa e pro governo que é dono da empresa?

  6. car disse:

    É tão simples não sei porque os correios complicam tanto, firma com 3mil funcionarios tem apenas um consultório medico dentro da firma, só vai para os especialistas casos graves, e o salário dele e muito baixo comparando com os grandes hospital.

  7. atendente disse:

    Não tenho o que me queixa do postal saúde, pois sempre faço vários exames e consultas em Belém
    sem problemas, ate melhor que a unimed. A questão do custeio total pelos funcionário é absurda, haja visto os baixo salários da maioria dos empregados.

  8. Willian Atendente disse:

    Até agora não vi a empresa se mexer no sentido de melhorar o plano de saúde. Ao invés de adotar o modelo de autogestão (mais barato e mais eficiente) prefere adotar a uma estrutura administrativa atual “inchada” cheia de cargos e funções.

    Qualquer administrador sabe que, em uma crise deveria enxugar a estrutura administrativa e não aumentá-la.

    O CorreiosSaúde tá parecendo o Correio, que pagou 29 milhões para uma consultoria dizer que a empresa para ter lucro, deve gastar menos do que arrecada”.

    Minha mãe, dona-de-casa, poderia ter dado a mesma consultoria e cobrado um valor bem mais módico.

  9. luis 1 disse:

    quanto disparate dito por essa gestão e as outras que o correio já teve por indicações politicas, que colocam pessoas incompetentes para sua administração. e uma pouca vergonha falar que a empresa esta tendo prejuízos mas firmam contratos de patrocínios milionários para esportes que nunca deram frutos apenas lucros para alguns famigerados, bem como desvio de recursos que os correios poderiam estar investindo na saúde e no bem estar da sua força de trabalho. mas como todos sabem hoje os correios são cabide de emprego pra colocar apadrinhados políticos corruptos e incompetentes na administração que tem a capacidade de vir falar que a empresa esta nessa situação por causa dos seus funcionários. esta indo de mal a pior por causa de gestões fraudulentas, irresponsáveis, colocando pessoas incompetentes que não tem capacidade de administrar os próprios bens. por que inchar de cargos administrativos ? pra poder desviar mais recursos? encher os bolsos de políticos corruptos? é uma pouca vergonha.
    no passado quando essa empresa era gerida por funcionários de carreira nunca chegou a estes patamares, sempre foi lucrativa, tinha um dos melhores planos de saúde, era considerada uma das melhores empresas pra se trabalhar. e hoje? gerida por políticos incompetentes que so pensam em encher os próprios bolsos
    pouca vergonha, palhaçada;

  10. carlos nada dos sonao disse:

    Outra coisa

    Não vi a empresa mostrar que com essa proposta o custo seria de 50% a 50% , com essa proposta os trabalhadores vão arcar com quase 100% do plano

  11. MIG disse:

    Diante de uma situação como essa, acredito que deveríamos abrir outras portas, ampliar o leque de opções. Vejam bem, da forma como está é apresentada uma proposta, aceita ou não? Agora vamos supor que fosse criada uma associação ou mesmo a própria confederação sindical (apesar de eu preferir criar uma associação) para buscar proposta com outros planos de saúde que já existem no mercado. Acredito que diante do atual número de funcionários e seus dependentes teríamos condições de conseguir propostas mais justas e ainda a empresa entraria com uma participação dessa mensalidade em proporção inversa aos salários pagos. Teríamos ao menos escolha ou patamar de comparação!

  12. Luiz disse:

    Sugestão:
    A empresa informa que estará arcando com metade dos custos do plano de saúde. Então os Correios podem incorporar ao salário o valor que está descrito na tabela de custeio e cada um procure um plano de saúde no mercado.
    O único gasto adicional para os Correios seria, caso o funcionário opte por um plano com co-participação, o reembolso do valor que seria gasto pela empresa no procedimento.
    Assim pode-se fechar o Postal Saúde.
    Os Correios poderiam inclusive fazer um convênio com uma Unimed, por exemplo.

    Eventuais reajustes no valor seriam compensado com acréscimo salarial.

    • MIG disse:

      Excelente proposta também, são sugestões que nos permitem ter ao menos alguma escolha e não tão somente o sim ou não. Atitude típica de administrações com cunho totalitário!

      • José Fortaleza disse:

        Proposta excelente. Parabéns. Infelizmente, a direção jamais acataria, pois é do interesse deles tirar dos funcionários para ter mais na farra.

  13. aparecido menegassi disse:

    estou indignado com a Postal Saude ,faço uso da psiquiatria a muito tempo, foi agendado consulta desde dezembro de 2016 para 21/02/2017, e quando cheguei no hospital para pegar a autorização fui informado que o convenio esta suspenso e que pra ser atendido ou pegar a receita teria que pagar pela consulta, liguei no 0800 da postal tenho que aguardar cinco dias. e pra consultar com outro psiquiatra o agendamento e pra mais de 30 dias, e alguns ainda querem cobrar pela primeira consulta , agora tenho que tomar o medicamento se não consigo a consulta , quem sera responsável ? Tiraram da o convenio da administração dos correios, criaram cargos para a Postal alugaram prédios com valores absurdos e funcionamento que e bom não temos , e vem o sr presidente falar um monte de asneiras conhecimento ZERO

  14. j disse:

    1- a empresa entra com maior participação 65% + aumento do plano acima da inflação.
    2_ as faixas de desconto nas primeiras faixas tem que ser maior, assim como das ultimas e acima, para aliviar as últimas faixas 54/59 anos ou + .
    3_ a empresa assume os aumentos do plano acima da inflação, pois salários não aumento o mesmo % dos planos de saúde
    4_ os salários acima de 10 mil tem que ter maior participação , principalmente para aliviar as 54/59 anos + também ( envolvendo todos para melhorar o pagamento das faixas de 54/59 anos)
    5_ para os país por humanização a empresa assume uma % maior na participação
    6_ ou pagamento mensal ou comparticipação Não os dois . 1 ou outro .
    7_ tudo isso deveria ser aos novos, pois com 30 anos de trabalho ao sol a chuva tenho direito adquirido e agora no final querem mudar . No mínimo precisamos da justiça e humanização. No mínimo .
    8- não fazer disso um JABUTI no qual só se arruma o postal saúde se concordarem com o descontos maior nos salários , um absurdo . (coloca-se algo ruim com as boas no mesmo pacote) .

  15. j disse:

    Pela tabela apresentada só com participação maior da empresa pois dos antigos 7 % anteriores querem passar a 50% os custos + de 7x o valor anterior 7%,14%.21%,28%,35%,42%,49% – imposivel de concordar , pois não temos como pagar valores tão alto . e desproporcionais nos descontos dos menores e maiores salario

  16. Rugby Sedex disse:

    Alguém aqui, está disposta a formar um time de Rugby? Os Correios estão com um ótimo plano de “Patrocínio”!!

  17. JAG disse:

    PELA PROPOSTA ATUAL SEM MAIOR PARTICIPAÇÃO DA EMPRESA COM CORTE DA COPARTICIPAÇÃO ( UM OU OUTRO ) = MENSALIDADE OU COPARTICIPAÇAO . E MELHORIA DA PROPORCIONALIDADE ENTRE OS MAIORES E MENORES SALARIO . IMPOSSIVEL DE CONCORDAR! MUITO PESADO E DESUMANO . O SACRIFICIO É MUITO EXTREMO . ATÉ IMORAL A RENDA DO TRABALHADOR CELETISTA .

  18. Luiz disse:

    Um detalhe sobre a tabela de custos passou desapercebido: as faixas salariais mais alta não aderirão ao plano pois a Unimed (plano semelhante ao postal saúde com rede maior, incluindo odontologia) fica mais em conta. Então, os custos que seriam cobertos por estas faixas serão distribuídos entre as menores.

    24-28 anos R$ 81,73 R$ 89,11 R$ 94,39 R$ 115,50 R$ 147,17 R$ 189,39 R$ 231,61
    Unimed R$ R$ 198.42

    54-58 anos R$ 266,24 R$ 290,31 R$ 307,50 R$ 376,27 R$ 479,43 R$ 616,97 R$ 754,51
    Unimed R$ 511.40

    59 anos – + R$ 308,98 R$ 336,91 R$ 356,86 R$ 436,68 R$ 556,39 R$ 716,02 R$875,64
    Unimed R$ 782.79

  19. José Fortaleza disse:

    Se essa proposta da empresa for mesmo implementada, teremos que fazer o que se chama “A escolha de Sofia”, ou seja, quem vamos, dentre nossos entes queridos, manter no plano. É evidente que não teremos condições de arcar com nossas despesas com um desconto enorme desses. No meu caso, R$ 500,00. Além do mais, pelos valores que estão querendo nos cobrar, podemos encontrar similares no mercado e sem a coparticipação.
    A empresa tem que ver que esse plano é um complemento, um benefício que faz com que fiquemos na empresa. Porque se dependesse de salários e condições de trabalho, poucos se submeteriam a trabalhar aqui.

  20. Ajax Braga disse:

    Semana passada foi nomeado mais um político falido, que não se elegeu numa cidade do Maranhão pra “gerir” o Postal Saúde. Além desse, quantos mais tem em todo o Brasil sugando os altos salários da postal Saúde em todo o Brasil? Aí vem o presidente falar em situação econômica difícil da empresa em função das despesas do plano de saúde. Os valores de despesa do plano de saude dos correios triplicou desde quando inventaram esse Posta Saúde e pode-se dizer tambem que o atendimentoi piorou na mesma proporção. Até agora eles só sabem dizer que o plano atual tem despesa de quase 2 bilhões de reais, pois então informem qual era o valor das despesas antes do Postal Saúde. Eles não falam porque era menos 1/3 (um terço) das despesas atuais. Porém eles não abrem mão do plano de saúde voltar para o controle e gestão dos funcionários da própria empresa, porque vai acabar a mamata dos políticos e apadrinhados que estão loteados por todo o Postal Saúde em todo o Brasil. E ainda por cima estão trabalhando nas dependências dos Correios, ocupando espaços fisicos da ECT nos prédios e nos estacionamentos. Ora sejá estão usando os espaços do próprioo Correio como base, porque não voltar para a gestão dos empregados como era antes?

  21. ricardo disse:

    De nada adiantará cobrar mensalidade para que o Postal Saúde sobreviva, se decisões como essas, caso a matéria seja realmente verídica, acontecem:

  22. JAGR disse:

    NAS PESQUISAS COM OUTROS PLANOS DE SAUDE ( AMEPLAN , AMIL) NÓS FUNCIONÁRIOS DOS CORREIOS ESTAMOS ENTRANDO COM += 100% NAS MESNSALIDADES E COPARTCIPAÇÃO .

  23. Atendente indignada disse:

    As propostas são tão boas que o valor da mensalidade pros pais é maior do que eu recebo de salário.
    Uma família que tem 4 filhos por exemplo vai trabalhar só pra pagar o plano de saúde.
    E a proporção ridícula de quem ganha mais e menos? Quem ganha mais de 20.000 paga só 100,00 a mais de quem ganha até 2.500!!!! Até parece que o Correio não sabe quanto a gente ganha!
    Só duas coisas me seguram nessa empresa, o ticket e o plano de saúde, se perder um dos dois não vale mais a pena vender a alma pra essa empresa exploradora!

  24. joao miranda disse:

    O Postal Saude quando foi criado era a nova maravilha do mundo e nós otarios acreditamos e hoje estamos ferrados, um exmplo é a CIDADE Guaiba que antes do Postal Saude era atendido pela Unimed e hoje não pode mais usar a UNIMED e tem que consultar em outra Cidae chamada Canos a 40 Km de distancia e como vamos levar nossos filhos na madrugada para atendimento?
    Outro problema já que estão falando que esta tendo muito gasto é os aposentados, vejam bem antes quem saia do correio não tinha mais plano de saude e com a criação do Postal Saude ele foram atraz de todos os ex ecetistas e ofreceram o novo plano por um valor bem baixo e estas pessoas com mais idade tem mais custo o plano de saude, sei que todos tem que ter um plano de saude, mas o que postal saude fez foi dar um plano de saude Gratis .
    outra situação é quanto custa toda a estrura do Postal Saude ? quanto é o salario dos funcionarios do PostaL saude? como foram excolhidos ? foi por concurso ou indicação politica ?
    falam tanto do plano de saude, mas quanto é que o Governo paga pelo nosso plano, pois estmoas usando um plano de saude e não estamos usando o SUS e o governo deve pagar por isso.

    • Sergio disse:

      Ei, me inclua fora dessa.
      Eu nunca acreditei na Postal Saúde, antes mesmo de existir.
      Já era sabido que essa “empresa” serviria apenas para acomodação política dos amigos, deixando a competência de lado.

  25. joao miranda disse:

    tenho uma proposta acaba com o Postal Saude e faz um plano empresarial com a UNIMED e vai sair bem mais barato e vai acabar com a cabide de empregos .

  26. Sergio disse:

    Como eu sempre disse, não importa o que seja escrito aqui ou o que os empregados votem ou o sindicato faça: a empresa (governo) vai fazer o que ele bem entender e ponto. Só não lê as entrelinhas quem não quer:

  27. atendente disse:

    É uma tendência para privatização. Acaba com plano de saúde, pois para os funcionários a proposta é inviável.

  28. JosiasCarteiro disse:

    Proposta para evitar Mensalidade no Plano de Saude Correios:
    Aumentar o compartilhamento atual dos Carteiros de 07% para 15%.
    Aumentar o compartilhamento atual dos Atendentes de 10% para 20%.
    Aumentar o compartilhamento atual das demais carreiras de Nivel Tecnico e Médio de 10% para 20%.
    Aumentar o compartilhamento atual das demais carreiras de Nivel Superior de 20% para 40%.

    • Atendente Indignada disse:

      Sabia que os atendentes recebem menos que os carteiros? Porque então deveria ser maior o compartilhamento deles?

      • Wagner disse:

        Também não entendi essa de atendente pagar mais que carteiro. Só fico imaginando quando a direção da empresa lê esse tipo de coisa (se é que eles se preocupam com o que escrevemos nesse blog). Eles devem dar risada da falta de união e desorganização que existe aqui embaixo.
        Enquanto estivermos divididos, cada um olhando para o próprio umbigo, as indicações políticas vão continuar, os altos salários do lado de lá vão continuar e os baixos salários do lado de cá também vão continuar… infelizmente!

  29. Mais do Mesmo disse:

    SAIU O WATS SAP HOJE, 21/03, QUE NUMA ENTREVISTA COM O PRESIDENTE DOS CORREIOS EM CAMPINAS/SP, ELE DISSE QUE VAI CANCELAR TODAS AS FÉRIAS DESTE ANO.
    SOMENTE NO ANO QUE VEM, QUANDO FOR VENCER A 2ª, O FUNCIONÁRIO IRÁ TIRAR FÉRIAS, COMO ACONTECE NO SETOR PRIVADO.
    GOSTARIA DE SABER SE HÁ UM FUNDAMENTO NISSO ?
    (NA MINHA HUMILDE OPINIÃO, TRATA-SE DE UMA JOGADA DE DENTRO DA DIREÇÃO DA ECT – UM ASSESSOR POR EXEMPLO, QUE SOLTOU ESTE BOATO – PRA PRESSIONAR A ACEITARMOS A MENSALIDADE DO POSTAL SAÚDE. CASO CONTRÁRIO, PERDEMOS AS FÉRIAS)
    DAÍ QUE OS FUNCIONÁRIOS VÃO FICAR MAIS INSATISFEITOS, E RENDER MENOS AINDA (JÁ TIRARAM A PLR, HORA EXTRA, SÁBADOS, FALTA MAIS O QUÊ?)

    • Sun Tzu disse:

      Na regra toda empresa pode suspender as férias até vencer a segunda. Caso vença uma segunda a empresa é obrigada a pagar em dobro a vencida(se não me engano).

      A empresa devia tentar implementar a licença não remunerada de até dois anos, para aquele empregado que tenha algo em vista, mas esteja inseguro em arriscar a vida fora “do cordão umbilical”.

      • Atendente Indignada disse:

        O Correio dá essa licença remunerada, é só pedir. Você tem que preencher alguns papéis e seu gestor encaminha. Neste período de até 2 anos vc não recebe nem salário, nem benefícios, aí vale ponderar e ver se vale à pena…

        • curiosa disse:

          Já consultei alguns superiores a esse respeito e me informaram que não avia essa licença. sabe me dizer onde esta escrito que isso é possível??

      • SkyWalker disse:

        Quanto às férias, se bem me lembro, é assim:
        Temos um período aquisitivo e um concessivo. teu último dia de férias (que tem de ser dentro do período concessivo) não pode entrar no período aquisitivo seguinte. Caso entre, a empresa paga dobrado pela quantidade de dias que entraram. Caso esteja errado, peço que alguém me corrija.

  30. Oráculo disse:

    Agora foram as férias!
    Próximo corte: tirar do acordo coletivo os 70% das férias.

  31. Insurgente disse:

    O Funcionário já está sobrecarregado de trabalho, principalmente, os carteiros que fazem dobra, horas extra, etc… Precisam de férias, descanso e ainda agora com essa “bomba”. Greve à vista!

  32. tendente cansado de injustiça disse:

    Esta tudo indo como o planejado o sucateamento da ECT a revolta da população contra a ECT , pq as agencias estão fechando os carteiros não conseguem cumprir o prazo a ECT não indeniza mais por atraso.
    Blz..ai pronto vamos privatizar porque a ECT não da conta de fazer o seu serviço

  33. Eduardo disse:

    E enquanto isso os bonitos das presidências viajarão pela Europa por motivo de trabalho – algo que poderia ser feito com bem menos pessoas e menor custo.

    Eu já defendi essa empresa de muitos ataques realmente injustificados por parte de clientes e conhecidos, mas no último ano ela só tem me causado total decepção.

  34. luis disse:

    tem de quebrar o pau e tirar esses cargos políticos da empresa ai quem sabe volta a crescer e ter lucro, vamos tirar o bando de ladrão que esta na empresa fazendo barbeirices e esse governo corrupto e ladrão fica apaziguando e tentando so prejudicar o coitado do trabalhador

  35. luis disse:

    para cortar ferias e cortar beneficios eles estao fazendo de tudo mas as viagens para o exterior desses incompetentes quem e que paga?????

  36. PECKER disse:

    Melhoria em que? Esse plano de saúde é um abuso, eu após 4 anos fui ter meu primeiro periódico, ferindo claramente a CLT. Fui consultar o médico mal olhou na minha cara, eu direto tenho que fazer denuncia na ANS contra esse tal de postal saúde e vou continuar fazendo. Você liga em uma clinica, que segundo o postal saúde é credenciado, eles nem conhecem ou sabem o que é postal saúde. Uma falta lascada de respeito ao funcionário, e engraçado é que igual a situação das férias a ECT cita CLT e as meus exames periódicos, pq não citaram CLT?
    A ECT está só querendo que eu entre na justiça do trabalho, e podem ter certeza que isso vou fazer !

  37. gestor disse:

    Momento difícil com uma serie de barbeiragem que não de agora. Existe uma redução do fluxo de correspondência, tal vez seja um dos motivos para o desleixo para este segmento. Existe varias agencias operando parcialmente BP, gerando enorme prejuízo. Não sou contra a mensalidade plano,
    porem tem ser justa, e a empresa tem que arca com parte desta despesa.

  38. Rossetto disse:

    Colegas, perdi a esperança do Brasil e da empresa, NÃO têm mais volta, ela está minada de POLITICOS, incompetentes, ladrões, sobra só para o coitado do pobre funcionário, que ganha líquido R$: 1300,00, segundo eles estes são o problema da empresa. não têm mais volta.

  39. AMIGOS DOS CORREIOS disse:

    MANUAL PARA PRIVATIZAR UM SERVIÇO PUBLICO SEGUNDO O PSDB

    1- DEIXA DE INVESTIR ATE QUE SE DETERIORE E BAIXA A QUALIDADE DO SERVIÇO.
    2- FAZER O POVO ACREDITAR QUE ESSE SERVIÇO PUBLICO SE DETERIORAPOR QUE E INVIAVEL
    3 – VENDER O SERVIÇO PUBLICO A UMA EMPRESA AMIGA QUE FINACIE SUA CAMPANHA ELEITORAL.

    • Hélcio J. Tagliolatto disse:

      Pode ser, mas o item 1 que você citou começou no governo Lula, subiu escandalosamente no governo Dilma ( com o repasse absurdo de dividendos, inviabilizando qualquer investimento, e a alocação de incompetentes partidários em funções).

      E tudo isso ocorreu com o silêncio cíumplice das federações e sindicatos, cooptados pela máquina petista nos mesmos moldes de sempre da mais suja politica brasileira.

      E agora esses mesmos outrora convenientemente sileciosos vem querer jogar a categoria numa greve suicida.

  40. Dilbert disse:

    .Na conta de despesa dos correios, estão incluídos também o pagamento dos funcionários do postal saúde ( funções, terceirizados, telemarketing, luz, água, telefone, aluguel dos imóveis em shopping…)

    É por isso que a despesa com folha de pagamento dobrou.

    E o postal saúde não é nem subsidiária dos correios e não tem receita nenhuma. Pelo contrário, é dependente de recursos da ECT.

    Antes de ser criado, a ECT divulgava, fortemente, que não haveria ônus para os trabalhadores pois o plano ia ser aberto para clientes externos, como um plano de saúde normal.

    Até hoje o postal saúde não tem autorização da ANS pra comercializar o plano.

    Será que ninguém está vendo isso?

    Nem o sindicato viu, pelo jeito.

    Ou melhora ou acaba com esse elefante branco que é o postal saúde.
    Com isso, já seria uma economia de 3,5 bilhões.

    • Alvanezes disse:

      Dilbert, é exatamente isso que vimos discutindo aqui no ES.
      O escritório da Postal Saúde aqui na Grande Vitória, fica num prédio com aluguel e condomínio caríssimos. Além dos outros itens que tu citou de despesas como folha de pagamento, funções, terceirizados, etc…
      Quando o plano era Correios Saúde, éramos atendidos no ambulatório que ficava anexo ao CTCE. Os Gestores do Correios Saúde eram funcionários da empresa, o Medico do Trabalho, as Atendentes e Pessoal de Escritório. Agora temos gestores regionais que ganham entre R$11.000,00 e R$15.000,00, e são indicações políticas. Semelhante a aquele caso escandaloso do gestor da Postal Saúde no Maranhão.
      Se voltarem o plano para a Gestão da ECT, com certeza esses custos com o plano quase zeram, ficando apenas as despesas com pagamentos dos profissionais, clínicas, laboratórios e hospitais credenciados.
      Mas isso não vai acontecer, porque como as indicações para cargos de chefia ficaram mais restritos na ECT, o governo está usando a Postal Saúde para fazer barganha política.
      Tá complicado manter a calma!!!

  41. Osvaldo disse:

    Perfeita tua colocação Dilbert, as vezes deveriam aceitar opiniões dos funcionários.

  42. maciel disse:

    a federação tem sua prcela de culpa . ora ela fica brigando contra a maré pensando que vai derrotar golias e seus amigos do judiciario. ora, aceita a tal da mensalidade apresenta uma proposta de R$ 100 por funcionario e da um xeque mate na empresa . com esse valor a empresa sempre tera dinheiro em caixa ,ao contrario do atual sistema em que o funcionario so paga quando usa e quando usa da uma despesa de correspondente avarios funcionarios .esse mês minha despesa foi de quase 60mil com a mãe internada .infelizmente a empresa pode usar varios argumentos pra querer por fim a o plano . nosso desafio é o de minorar as perdas. detalhe: greve não intimida mais a empresa .

    • Sergio disse:

      Fiquei sabendo que eles foram “cooptados” para ficarem em silêncio em troca de cargos em Brasília depois que a tempestade passar. Eles devem ficar em silêncio em relação ao assunto “demissão”, assunto esse que eles parecem já ter conhecimento… as demissões serão assim:

      1ª leva a): operacional – um dos critérios será absenteísmo funcional;
      1ª leva b): aposentados que não aderiram ao PDI;

      2ª leva: os que tem mais salário e ao mesmo tempo função – critério do maior para o menor na soma “salário + função”;

      3ª leva: analistas – maior para o menor salário.

      Nesta ordem, pelo memorando que está na jurídica em finalização, e tudo fundamentado em leis.

  43. FLAVIO disse:

    Tem é que tirar este politicos da empresa,que não entende nada de correios FORA……………………………………………………….

  44. atendente disse:

    A greve já tem data e hora. A empresa vai cobra mensalidade, infelizmente o pior caminho.
    um acordo seria o mais viável

  45. J.A.GR disse:

    os correios nunca foram deficitarios em 350 anos ? e agora são, é só falácia , isso sim !!!! . e não aceitamos isso .

  46. odilio grigorio disse:

    Boa tarde, senhores,

    So sei dizer que o bicho, vai pegar. E corda só arrebenta do lado mais fraco: o trabalhador.Pode escrever isso.O que sugiro é acabar com esse Plano e mandar os empregados para Serviço Unico de Saude.A unica atratividade nos Correios eram os beneficios oferecidos,pois o salario é uma merreca;, se não vai ter mais isso, não vale mais a pena fazer concurso para esta Empresa Uma Empresa que tinha pretensao de ser de Classe Mundial, hoje sucateando pela quadrilha que apossou de Alta Administraçao e deixou nossa Empressa numa situação lastimavel.So sei dizer que é muito triste; sofre a sociedade com um serviço de má qualidade e o seu quadro de funcionario que agora tem que pagar para trabalhar..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *