Fim da greve e retorno ao trabalho

Ontem, dia 8, a maior parte dos trabalhadores dos Correios que havia aderido à paralisação parcial decidiu em assembleias retornar às atividades.

Dos 23 sindicatos que se reuniram ontem, 21 decidiram encerrar o movimento paredista. Nas bases sindicais de Santa Catarina e de Santa Maria (RS), os empregados decidiram continuar a paralisação, no entanto, terão de cumprir decisão do Tribunal Superior do Trabalho (TST) de manter o mínimo de 80% do efetivo em cada unidade. No Acre, a assembleia será realizada apenas hoje, dia 9.

No fim de semana, o mutirão de entrega envolveu cerca de 12 mil trabalhadores, que triaram 14,4 milhões de cartas e encomendas e entregaram 5,7 milhões de objetos.

Esta entrada foi publicada em Negociação Permanente e marcada com a tag , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Prezado leitor,

Só serão publicados comentários diretamente associados ao tema do post. Comentários com conteúdo ou termos ofensivos não serão publicados. Informações, dúvidas, sugestões ou reclamações sobre serviços devem ser encaminhadas ao Fale com os Correios

13 respostas a Fim da greve e retorno ao trabalho

  1. JURA disse:

    Sabia que ia acabar em Pizza.

  2. atendente disse:

    Respeito aos guerreiros que tiveram coragem de ir a luta, mas e ora de negociar não tem jeito.

  3. revoltado disse:

    Apesar das ameaças de corte de dias pela ECT, a categoria apresentou resistência. O recado foi dado à ECT e está claro que os trabalhadores não ficarão calados ao serem submetidos às condições degradantes. Haverá luta a cada sinal de ataque por parte da direção dos Correios, para que sejam mantidos os empregos e por nenhum direito a menos.
    A categoria ecetista entende que todos esses ataques estão sendo implementados em nome do suposto déficit, que está sendo fabricado para justificar uma possível privatização. A responsabilidade pelo desequilíbrio financeiro não é culpa dos trabalhadores e não iremos arcar com isso!

  4. Tecnico Desesperançoso disse:

    Nossa Empresa não tem consideração nenhuma com o trabalhador que não faz greve. Só mima os grevistas, e quem segura o rojão fica com cara de palhaço.

  5. luis 1 disse:

    SO UMA PERGUNTA SE APENAS EM UM FIM DE SEMANA FORAM TRIADOS 14,4 MILHOES DE CARTAS E ENCOMENDAS, FICA UMA PERGUNTA COMO QUE OS CORREIOS ESTAO COM ESSE PREJUIZO DE TANTOS BILHOES. QUE MENTIRA HEIN SENHOR PRESIDENTE, NUNCA HOUVE PREJUIZOS O QUE ESTA ACONTECENDO E O DINHEIRO DOS CORREIOS SENDO MAL UTILIZADO E INDO PRO RALO SEM CONTAR QUE PODE ESTAR SERVINDO PARA PAGAR DEPUTADOS E SENADORES PRA VOTAREM A FAVOR DA REFORMA FRAUDULENTA E QUE VAI PREJUDICAR A CLASSE TRABALHADORA SO VALORIZANDO OS POLITICOS CORRUPTOS E UMA CLASSER ABASTADA E CORRUPTA QUE ESTA NA CABEÇA DO GOVERNO E DAS EMPRESAS PUBLICAS BRASILEIRAS

  6. ana lucia disse:

    o que realmente ficou acertado,teremos ferias?agora em maio e junho?

  7. DEO disse:

    vamos concentra a luta maior pra campanha salarial onde podemos avançar e mantem o que se tem pois 2018 ano eleitoral vamos limpa o senador e câmara não mais reelegendo esse lesa pátria .que estão querendo acabar com direito adquirindo há muito tempo. e esse presidente g. campos peca pra sai ou corte seu salario pela metade .

  8. luis 1 disse:

    so com as vice presidências criadas ai de cabide de emprego já da pra cobrir o rombo dos corrios

  9. Pedro Correia disse:

    Acho isso uma p… sacanagem, para quem tira férias no segundo semestre, ficar sem usufruir, pois já fora agendado anteriormente e gerou uma expectativa a quem iria usufruir agora. deveria liberar as férias pelo restante do ano e somente bloquear no inicio do próximo ano, assim já estaríamos certos de que no próximo ano não teríamos férias e o bloqueio atingiria todos os funcionários, não somente a metade deles. Sinto-me prejudicado e eu estou indignado com esta Empresa, que só quer sugar dos funcionários com cobrança de metas e tudo mais

  10. revoltado disse:

    VAMOS NOS ADAPTAR COM O PROGRAMA 10 EM 1 TRABALHE POR 10 GANHE POR 1 KKKK

  11. MAIDONICO disse:

    e as férias dos outros meses!!??

  12. Arlindo Borges dos Santos disse:

    Boa tarde.

    Gostaria de saber em que data vai encerrar para os empregados pagarem os dias de greve no periodo de: 26/04 à 10/05/2017. Sendo que em São Paulo a paralisão da greve foi em 10/05, porém em alguns estados a paralisão continuou.

  13. Arlindo Borges dos Santos disse:

    Completando: – O PGP está aceitando “gerar lançamentos”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *