ACT 2017/2018 – Entrega das pautas de reivindicações

Na tarde de hoje, dia 27, o presidente dos Correios, Guilherme Campos, acompanhado do vice-presidente de Gestão Estratégica de Pessoas, Heli Siqueira, e do gerente de Relações do Trabalho, Fagner Rodrigues, recebeu a pauta de reivindicações da Fentect. No último dia 19, a Findect já havia entregue a sua pauta. A documentação será analisada pela empresa para o início das negociações do Acordo Coletivo de Trabalho 2017/2018. O primeiro encontro está previsto para o dia 8 de agosto.

Ao receber as pautas, o presidente chamou a atenção para a importância da negociação neste ano, dizendo que a responsabilidade de todos nesta campanha salarial é essencial, já que a empresa evoluiu bastante desde o último acordo.

Campos também ressaltou que a empresa está buscando alternativas para se sustentar, e, portanto, fechar um acordo que seja bom para a empresa e para os trabalhadores é essencial para conseguir reverter o cenário financeiro dos Correios.

Acompanhe todas as informações sobre a negociação do ACT nos informativos dos Correios e também neste Blog da Negociação Permanente.

Clique e veja as pautas das Federações:

Fentect

Findect – Parte 1; Parte 2; Parte 3; Parte 4; Parte 5; Parte 6

Esta entrada foi publicada em Negociação Permanente e marcada com a tag , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Prezado leitor,

Só serão publicados comentários diretamente associados ao tema do post. Comentários com conteúdo ou termos ofensivos não serão publicados. Informações, dúvidas, sugestões ou reclamações sobre serviços devem ser encaminhadas ao Fale com os Correios

47 respostas a ACT 2017/2018 – Entrega das pautas de reivindicações

  1. Ronaldo Silva. disse:

    “Ao receber as pautas, o presidente chamou a atenção para a importância da negociação neste ano, dizendo que a responsabilidade de todos nesta campanha salarial é essencial, já que a empresa evoluiu bastante desde o último acordo.”

    Conforme a “palavra” do presidente dos Correios, nós, os funcionários, temos empenhado para manter a empresa LUCRANDO. Vamos agora nos empenhar para sermos valorizados. REAJUSTE DIGNO.

  2. SIMPLES ATENDNETE SEM RECONHECIMENTO disse:

    E LA VAMOS NOS…VIA COMEÇAR TUDDOO DE NOVO..

  3. PAULO disse:

    FORA TEMER!

  4. Anderson Peres disse:

    Interessante é como muita gente vive em uma tremenda ilusão.

  5. FREE LANCER disse:

    VOU COMEÇAR A FAZER UNS BICOS, PARA QUE MINHA RENDA AUMENTE E CONSIGA PAGAR A MENSALIDADE DO PLANO DE SAÚDE.

  6. J.A.G disse:

    as nossas negociações no dissidio coletivo nunca foi facil, e não será facil este ano , correção dos salarios seria o principal, em razão da cobrança do plano de saude , beneficios- que podem ser suprimidos, retirados, nova lei trabalhista futura apos vigencia , em que pode modificar acordos. se preparem para a luta !! e nervocismo!! e incertezas!! .

    • Gerente Desvalorizado disse:

      tem toda razao agora com novas regras na CLT , vamos ter uma ardua batalha todos os anos , para manter o que temos, em relaçaõ ao salario fechando na inflação do ano , o maximo que podemos esperar.

  7. Desanimado disse:

    Gente o aumento vai ser por produção, já falarão vendeu ganha, não vendeu não ganha, claro para atendentes, para carteiros entregas vai ser por quantidade, entregou ganhou não entregou não ganhou.

    • Willian Atendente disse:

      …”aumento por produção”….
      Onde vc ouviu isso, amigo?
      A PLR era justamente para isso, mas aí forjaram um suposto prejuízo (reservando todo o dinheiro do pós emprego de uma vez só, não apresentando os balanços de 2015-2016) só para não pagá-la mais.

      PLR –> R.I.P. (Rest In Peace = descanse em paz)

  8. Jura disse:

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk, se tivermos aumento só infração olha lá!

  9. Jura disse:

    Campos também ressaltou que a empresa está buscando alternativas para se sustentar, e, portanto, fechar um acordo que seja bom para a empresa e para os trabalhadores é essencial para conseguir reverter o cenário financeiro dos Correios: É PIADA OUVIR ISSO.

    Acho que se patrocinar menos;
    Administrar mais serio a Empresa,
    Acabar com tantas gratificações oriundas;
    São algumas da muitas, coisas que se mudar com certeza o cenário da Empresa volta aonde ela nunca deveria ter saído.

  10. João Ninguem disse:

    Estou indignado com a seguinte situação:
    Por quê este blog não divulga as propostas lançadas por Findect e Fentect?
    O que está faltando pra que se divulgue já que não é nenhum segedo!

    Meus coleguinhas, já que eles não divulgam, vamos fazer o trabalho que deveria ser deles e me ajudem por favor quem puder fazer essa caridade exponha nesse blog pra todos nós ok?

    Obrigado

  11. VALMIR SATURNINO DE OLIVEIRA disse:

    Rua Presidente Humberto de Alencar Castelo Branco, 1472

  12. Sergio disse:

    Essa negociação já tá acertada entre as três diretorias (ECT, FENTECT e FINDECT).
    Não teremos greve nacional.
    Não teremos bagunça.
    Assinatura antes do final de setembro.
    As coisas já tão acertadas – fonte firme!

    … quem não acredita, apenas aguarde… depois volta aqui e conta pra nós.

  13. Escravo mal pago. disse:

    Sempre na época de campanha salarial é a mesma novela. Ameaças e mais ameaças, a mais nova é o Presidente da Empresa querer cortar pais e filhos do plano de saúde, cortar vales alimentação e cesta nas férias, vale extra, 70% de adicional de férias para um terço, do jeito que está previsto em CLT e que é aplicado a iniciativa privada. O que esse senhor esquece é que temos direitos adquiridos por acordos coletivos de vários anos diferentes e que ele não pode chegar aqui e fazer o que bem entender. Entenda uma coisa Sr. Presidente, nós temos o pior salário do funcionalismo público, estamos vendendo o almoço pra comprar a janta, passamos uma dificuldade financeira tremenda (a grande maioria), tenha piedade de nós, pare de tentar mexer nos nossos bolsos, tenho misericórdia, senão o seu lugar não estará garantido no céu.

    • luis disse:

      falou tudo damos a nossa carne por essa empresa e vem um cara indicado por politico que cai de paraquedas, não entende nada de correios e vem ainda falar que os funcionários e que estão dando prejuízos aos correios, se tem alguém dando prejuízo e o presidente dos correios com seu salario de mais de 50 mil mensais. que venha ele trabalhar aqui na base de atendente ou carteiro ganhando mil e trezentos reais por mês e com sobrecarga de trabalho pra dai ele vir falar que nos funcionários dessa empresa estamos dando prejuízos

      • What the hell? disse:

        Verdade seja dita: muitos carteiros e muitos atendentes vivem pegando atestado médico! Já quem trabalha doente é tachado de !

        • Escravo mal pago. disse:

          Então você acha certo trabalhar doente? Acabar com a sua saúde por uma Empresa que não reconhece o seu trabalho? Pra chegar um indicado político e comandar a Empresa e querer te demitir na demissão motivada, pdv, pdi, pdia, etc…? O bem mais precioso que nós temos é a nossa saúde e ela não tem preço! Atestado médico é pra quem realmente está doente e não por ”safadeza” como sei que alguns fazem. Se você estiver realmente doente, procure um médico, pois quando a sua saúde acabar, os Correios não vão querer saber de você. Só um conselho.

          • What the hell? disse:

            Eu trabalhei muito estando doente e ME ARREPENDO AMARGAMENTE meu caro! Não faço mais isso. Apenas quis alertar que a empresa não valoriza seus empregados. Hoje, se sinto qualquer dor, vou ao médico mesmo!

        • carteiro do sul disse:

          se tu trabalha doente tu e mesmo pois prejudicas a ti por trabalhar doente e a chefia nunca vai te valorizar por isso te liga meu tu e so uma matricula para a empresa se tu cair a empresa bota outro no teu lugar e nem se lembra mais de ti

          • carteiro do sul disse:

            e isso ai aqui no sul ate a pelegada ta se dando conta disso tanto e nessas paralizaçoes desse ano pessoal que nunca fizeram greve estao paralizando e e se preparando para esse ano que acho que vai ter uma greve historica

          • What the hell? disse:

            Eu fui otário, não sou mais! Você não sabe ler? E quero só ver se vai ter greve mesmo! Cuidado que o Temer demite!

  14. revoltado disse:

    90% DOS QUE RECLAMAM AQUI NESSE BLOG SÃO TUDO PELEGO

    • Sergio disse:

      E os outros 10% votam nessa raça ruim que em 5 anos faliu o Correio.

      • atendente disse:

        Vamos espera o inicio das negociações para ver em que tom vai ser.
        pelegos e não pelegos tem que ser uni. por que o bicho pegar.

        • Sergio disse:

          Atendente, os ditos “não pelegos”, os ditos “lutadores” são radicais demais para aceitar qualquer união ou ajuda.

          Eles ainda não entenderam que ele apoiaram a gentalha que acabou com a empresa e que a gritaria deles não fará nenhuma diferença. A gritaria de ninguém fará.

          As decisões já estão tomadas. Pode fazer greve, tacar fogo, passeata, o que for. Nada mudará o que já está decidido pela diretoria da empresa e o governo eleito por esses mesmos que reclamam dos “pelegos”.

          Aos que tem bom senso resta sentar e aguardar o último ato desse circo para depois decidir o que fará.

          • luis disse:

            antes de tudo se todos se unissem consegue reverter mas como não há união, tem de penar e sofrer mesmo
            pois se depender de nossos políticos estamos ferrados e mal pagos

  15. Jura disse:

    Dia 08/08/2017 começa a comédia Correios x Fentect, final eles faz que aumenta e nós faz que recebemos.

  16. antonio jabuca city disse:

    ja começous adiando a reunião.

  17. luis disse:

    e já na primeira reunião não deu quórum ninguém foi engraçado marcam determinada reunião e assim do nada cancelam esse e o nosso Brasil fala serio

  18. carteiro do sul disse:

    vao adiar ate o inicio da greve

  19. AMIGO DO ZORRO disse:

    É uma pena todo ano termos que nos deparar com esse teatro que a empresa e o sindicato, que na verdade não estão nenhum pouco preocupado com os colaboradores, a empresa defende seu lado, e agora com a reforma trabalhista o que puder tirar da gente vai tirar e não adianta ficar de ti ti ti, todos sabem que no final é isso que acontece, e o sindicato que por sua vez deveria defender nosso interesses também não estão nem ai, eles querem na verdade é defender seus próprios interesses, dai ficam um empurrando para o outro, arrastam esse teatro até quando dá, e no final fazem um acordão entre eles, que na verdade já acertado antes de se iniciar a negociação, quer dizer o teatro, e o fim todos já sabem nós ficamos com os prejuízos, faz 15 anos que estou vendo isso acontecer todos os anos e esse ano não vai ser diferente, é meta e mais meta para os atendentes, e os carteiros fazendo dobras e mais dobras, é um tal de cobrir um santo descobrindo o outro, e não se iludam isso não vai mudar e olha que eu sou otimista. Então a empresa que se diz tão transparente e aberta ao dialogo e os defensores dos nossos interesses, deveriam pelo menos nos respeitar, pois afinal além estarmos executando nossas atividades sem as condições necessárias, e olha que não estou me referindo a minha UD, pois por enquanto aqui até que da pra levar, mais tem unidades por ai que é só Deus, então já não bastasse nosso desgaste no dia a dia, ainda termos que aguentar essa palhaçada que não vai dar em nada, por favor ambos nos respeitem, sejam sensatos pelo menos uma vez e definam logo esse acordo de faz de conta, afinal já sabemos que vamos ficar com a pior parte mesmo, então chega dessa enrolação parem de fazer de conta. Isso é ridículo, o final do teatro todos já sabem.

  20. Jura disse:

    Gente fiquei sabendo que a Empresa já vai fazer uma proposta logo no inicio da conversa 4,32 % e só.

  21. luis disse:

    pouca vergonha estão negociando propinas com os sindicatos na surdina, que até agora ninguém fala nada sobre negociação, empresa não faz proposta. não tem reuniões de negociação nem nada, e acho que estamos na mão de um bando de corrupto mesmo

  22. revoltado disse:

    E A PELEGADA CONTINUA RECLAMANDO!

  23. MARIA disse:

    Não vai ter nem negociação, imagina aumento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *