Exposição apresenta elementos da cultura carioca de forma lúdica

Os principais aspectos presentes na cultura carioca, entre eles carnaval, futebol, música e circo, retratados de forma lúdica e bem humorada. Essa é a proposta da exposição “O Rio de Rapoport”, em cartaz até dia o dia 21 de setembro, no Centro Cultural Correios Rio de Janeiro.

Durante a mostra, que reúne cerca de 40 obras inéditas, os visitantes poderão conferir o traço peculiar do pintor, arquiteto, gravador e desenhista Alexandre Rapoport, que começou a pintar como autodidata mesmo antes de ingressar na Faculdade Nacional de Arquitetura da Universidade do Brasil (atual FAU-UFRJ), em 1948. Fez desenho e gravura na Escola Nacional de Belas Artes, época em que já participava de diversas exposições coletivas com pinturas, desenhos e gravuras no Museu Nacional de Belas Artes e no Ministério de Educação e Cultura. A partir de 1949, verificam-se as influências da arte de Portinari em sua obra.

Com uma carreira também solidificada no desenho industrial, Rapoport ganhou diversas premiações por participações em exposições individuais e coletivas nacionais e no exterior. Além do Brasil, atualmente seus trabalhos integram acervos de coleções particulares e instituições em Roma, Viena, Zurique, Nova Iorque, Londres, Tóquio, Paris, Buenos Aires, Antuérpia, Washington e Jerusalém, podendo ser conferidas ainda nas agências do Banco do Brasil de Hamburgo, Londres, Paris, Roterdã, Lisboa, Viena, Costa do Marfim e Estocolmo.

A exposição “O Rio de Rapoport” pode ser visitada gratuitamente de terça-feira a domingo, das 12h às 19h. O Centro Cultural Correios Rio de Janeiro está localizado na Rua Visconde de Itaboraí, 20, Centro.


Esta entrada foi publicada em Sem categoria e marcada com a tag , , . Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

Prezado leitor,

Só serão publicados comentários diretamente associados ao tema do post. Comentários com conteúdo ou termos ofensivos não serão publicados. Informações, dúvidas, sugestões ou reclamações sobre serviços devem ser encaminhadas ao Fale com os Correios

Os comentários estão encerrados.