Esclarecimento sobre matéria do jornal O Estado de S. Paulo

Com relação à matéria divulgada pelo jornal O Estado de S. Paulo nesta quarta-feira (8), os Correios esclarecem, novamente, que não existe uso político da empresa para beneficiar qualquer candidato nas eleições.

Reafirmamos, mais uma vez, que todas as ações da empresa durante o processo eleitoral restringem-se à prestação de serviços, sempre mediante pagamento.

A empresa já esclareceu ao jornal, diversas vezes, que a postagem sem chancela ou com erro na chancela é permitida pelos normativos internos e que o processo de recebimento, encaminhamento e entrega é controlado. Esse tipo de postagem foi realizada por pelo menos 17 partidos nas eleições deste ano. Os Correios comprovaram que houve pagamento pelo serviço, inclusive disponibilizando os recibos, e o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) determinou suspensão de veiculação do vídeo que levanta faltas suspeitas sobre a entrega de material eleitoral.

O serviço prestado aos candidatos foi realizado dentro do cronograma previsto e amplamente divulgado. A respeito da entrega em Minas Gerais, em entrevista coletiva no dia 2 de outubro, a Diretoria Executiva dos Correios informou que dos 32 milhões de itens postados nessa modalidade, 13 milhões foram do PSDB e foram registradas apenas 23 reclamações, todas devidamente verificadas e solucionadas.

A empresa também já esclareceu ao Estadão que não houve ilegalidade na participação de representantes dos Correios em evento partidário em Minas Gerais, já que tal evento ocorreu no período noturno, fora dos Correios e não utilizou qualquer recurso da instituição. Em vídeo disponível na internet é possível ver que em seu pronunciamento no evento, o presidente dos Correios, Wagner Pinheiro de Oliveira, ressalta aos participantes que as atividades não relacionadas à empresa devem ser desenvolvidas fora do horário de trabalho.


Esta entrada foi publicada em Correios na midia. Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

Prezado leitor,

Só serão publicados comentários diretamente associados ao tema do post. Comentários com conteúdo ou termos ofensivos não serão publicados. Informações, dúvidas, sugestões ou reclamações sobre serviços devem ser encaminhadas ao Fale com os Correios

Os comentários estão encerrados.