Selo homenageia trabalho dos catadores de materiais recicláveis


Na segunda-feira (1º), os Correios realizaram lançamento de selo personalizado em homenagem aos catadores de materiais recicláveis, em São Paulo (SP).  A emissão filatélica, entregue ao Movimento Nacional de Catadores de Materiais Recicláveis, objetiva dar visibilidade à importância social desses trabalhadores, bem com promover a superação de preconceitos relacionados à profissão, que possui reconhecimento pelo Ministério do Trabalho e Emprego. Estiveram presentes na cerimônia, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o prefeito de São Paulo, Fernando Haddad.

Como empresa pública ciente de sua responsabilidade com o meio ambiente, os Correios vêm implementando um conjunto de ações que têm como diretriz o gerenciamento dos impactos ambientais significativos e a busca contínua pela melhoria de processos, serviços e produtos oferecidos pela estatal. Entre as iniciativas que compõem o Sistema de Gestão Ambiental da empresa, destaque para a Coleta Seletiva Solidária, parceria com mais de 300 associações e cooperativas de catadores, que nos últimos três anos promoveu a destinação de mais de oito mil toneladas de material reciclável oriundos das unidades dos Correios a esses trabalhadores, proporcionando emprego e geração de renda.

No mesmo período, a doação de papel e papelão para reciclagem pelos Correios também evitou a derrubada de 155 mil árvores, o que representa a preservação de aproximadamente 62 hectares, o equivalente a 124 campos de futebol ou 3 parques ecológicos de pequeno porte. Também significa uma economia de mais de 77 milhões de litros de água — volume que encheria 31 piscinas olímpicas. Mais informações relacionadas à parceria com cooperativas de catadores e outras práticas sustentáveis dos Correios podem ser conferidas no site da empresa.


Esta entrada foi publicada em Institucional e marcada com a tag , . Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

Prezado leitor,

Só serão publicados comentários diretamente associados ao tema do post. Comentários com conteúdo ou termos ofensivos não serão publicados. Informações, dúvidas, sugestões ou reclamações sobre serviços devem ser encaminhadas ao Fale com os Correios

2 respostas a Selo homenageia trabalho dos catadores de materiais recicláveis

  1. novato disse:

    É o fim…

    Em vez promover meios que estimulem as pessoas a saírem dessa “atividade de catar lixo”, vocês vem dar prêmios pela atividade e catar lixo.

    Haja paciência.

    É óbvio que qualquer pessoa vale mais que qualquer montante de material arrecadado.

    É evidente que o ser humano (pasmem aqui) vale mais que qualquer árvore ou outra coisa existente em nosso planeta.

    Nós somos os administradores desse planeta e devemos cuidar dele sim. Devemos utilizar os recursos com a devida moderação mas, nem por isso, devemos nos submeter a eles.

    A atividade de catação de lixo como ocorre hoje, deveria ser um das últimas possibilidades de “trabalho” para se ganhar o seu sustento de maneira honesta. Deveria ser entendia como uma situação emergencial, jamais como uma atividade final em si mesma.

    Os “catadores” possuem a mesma dignidade de qualquer um de nós, porém toda a promoção que é feita em cima deles não visa (pelo que vi até hoje) retirá-los dessa situação, mas tão somente utilizá-los para promover campanhas para determinada empresa aparecer “no social”, e ainda colocando a natureza acima do ser humano, como se fosse uma “deusa” (já ouviu falar em Gaia?), a qual todos nós seres humanos devemos servi-la sem questionar. Temos neste ponto um grande perigo que, somado ao relativismo implantado em nossa sociedade, torna as pessoas cegas para enxergarem essa situação.

    Viva os trabalhadores desse nosso Brasil, inclusive os catadores de lixo reciclável. Que esses catadores possam ter oportunidades reais de crescimento profissional e que essa atividade não seja a única oportunidade. Que a natureza seja utilizada por nós de maneira moderada, preservando e estimulando a renovação natural desses recursos.

  2. Toda atividade profissional,desde que exercida com dignidade,é louvável e deve ser respeitada,o que seria do mundo se todos fossem ricos.parabens a todos os catadores de papel,que eles consigam com essa atividade,alcançar uma ascenção social digna de respeito.