Correios é premiado por atuação logística nos Jogos Olímpicos 2016

Vice-presidente de Logística, José Furian Filho, recebeu o troféu das mãos do professor doutor Hugo Yoshizaki, da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo, que faz parte da comissão julgadora do prêmio. Foto:Correios

Na noite desta quinta-feira (15), em cerimônia realizada na sede da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), na capital paulista, os Correios receberam o “Prêmio Abralog de Logística” na categoria “Colaboração e Parcerias”, por sua atuação nos Jogos Olímpicos Rio 2016. Essa foi a 14º edição do prêmio promovido pela Associação Brasileira de Logística (Abralog).

“Uma operação desse porte precisa de muito planejamento, tecnologia e capacidade operacional. Os Correios tiveram bastante ousadia e confiança na capacidade da sua equipe realizar esta que é a maior operação logística não militar do mundo. Por isso, todos nós, como brasileiros, podemos nos orgulhar que uma empresa nacional tenha realizado com perfeição a logística das Olimpíadas”, afirmou o vice-presidente de Logística, José Furian Filho, que recebeu o prêmio ao lado do coordenador geral da Força Tarefa Rio 2016, Carlos Henrique de Luca Ribeiro.

“Montamos um time muito forte, de pessoas determinadas, com vontade para enfrentar este grande desafio, e realizamos uma operação 100%, entregando o item certo, no local certo e na hora correta. Foi um grande aprendizado para a empresa. A logística dos Correios superou tanto as expectativas que ajudamos até outros parceiros que trabalharam no apoio aos jogos e atletas a solucionarem seus problemas de logística durante o evento”, ressaltou Carlos Henrique de Luca Ribeiro.

Também participaram da cerimônia de premiação, o chefe do Departamento Comercial de Logística, João Batista da Silva; o gerente da Macrorregião Comercial de Logística 01, Antonio Pio da Silva; o gerente da Macrorregião Operacional de Logística 0, Rogério de Jesus; o gerente do CGLI, Ednaldo Rodrigues; e o gerente de Contas Especiais da Vice Presidência de Logística, Alexandre Andrade Brenait.


Esta entrada foi publicada em Institucional e marcada com a tag , , , , . Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

Prezado leitor,

Só serão publicados comentários diretamente associados ao tema do post. Comentários com conteúdo ou termos ofensivos não serão publicados. Informações, dúvidas, sugestões ou reclamações sobre serviços devem ser encaminhadas ao Fale com os Correios

2 respostas a Correios é premiado por atuação logística nos Jogos Olímpicos 2016

  1. JURA disse:

    Queremos saber quanto foi que o Correios lucrou, o momento que estamos passando segundo o Presidente é critico, então pra nos o mais queremos saber é se deu LUCRO, premio não é receita.

  2. Consumido Insatisfeito disse:

    As encomendas internacionais que são liberadas na Receita Federal de Curitiba não seguem ao destinatário (ficam por la mesmo) !!!
    E apos o prazo de 40 dias uteis, prazo este um tanto quanto absurdo de demorado, pode-se reclamar no site dos Correios para em 5 dias uteis obter-se a resposta automática/padrão: “objeto não localizado no fluxo postal”.
    Resumindo: a encomenda chega no Brasil, passa pela RF e depois “some” do sistema dos Correios; este é o serviço de qualidade, Respeito e Consideração dos Correis para com os seus clientes !!!

    E ainda ganham Premios dizendo que respeitam o consumidor ?

    No mais…..
    os Correios informam que todas as postagens internacionais (importação), a partir de janeiro de 2015 não contemplam mais a possibilidade de pagamento de indenização ao destinatário, mesmo nos casos de avaria e espoliação (após a entrega). Caso seja uma relação comercial destinatário/remetente, as questões e os desdobramentos relacionados deverão ser tratados diretamente entre as partes, sem a ingerência dos Correios.

    Amigos, este posicionamento dos Correios é mais um exemplo do respeito ao consumidor !!!