50 anos da ferrovia Trans-Australiana são marcados com selo

O correio australiano colocou em circulação no último dia 11 de fevereiro um selo para marcar o 50º aniversário da ferrovia transcontinental de bitola única, que revolucionou as viagens ferroviárias e trouxe mais conforto aos passageiros que atravessam aquele continente.

Entusiasta dos trens e aficionado por história e coleções, o gerente da Filatelia da Austrália, Michael Zsolt, disse que o selo celebra o aniversário de um marco importante na história ferroviária da Austrália.

O serviço de transporte de passageiro transcontinental foi chamado de Indian Pacific em homenagem aos dois oceanos ligados por ele. “Hoje ele vai de Sydney a Perth via Adelaide, uma viagem a 70 km por hora e 4,352 quilômetros de distância que incluem o maior trajeto de trilhos do mundo – 478 quilômetros – ao longo da planície de Nullarbor”, diz Zsolt.

Antes de 1970, a variação na bitola (largura determinada pela distância medida entre as faces interiores das cabeças de dois trilhos ou carris em uma via férrea) dos trilhos de um estado para outro obrigava mercadorias e passageiros que seguiam de Sydney para Perth a mudar várias vezes de trem, resultando em atrasos e viagens inconvenientes.

Em 1930, com o acordo e a colaboração da Comunidade das Nações (organização intergovernamental composta por 53 países membros independentes) e de governos estaduais, ocorreu a padronização das bitolas ferroviárias interestaduais, resultando em uma linha ferroviária consistente de Sydney a Perth.

O primeiro serviço de frete transcontinental direto partiu de Sydney para Perth em 12 de janeiro de 1970. No mês seguinte o serviço inaugural de transporte de passageiros percorreu a mesma rota, saindo de Sydney no dia 23 de fevereiro de 1970.

O selo de tarifa básica, criado por Jamie e Leanne Tufrey, retrata a viagem inaugural do trem de passageiros do Indian Pacific, com as locomotivas diesel-elétricas da classe L da Austrália Ocidental 260 e 261, que levaram o trem para a estação leste de Perth, em 26 de fevereiro de 1970.

O selo e os produtos associados estão disponíveis on-line em austpost.com.au/stamps, enquanto durarem os estoques.

Publicado em Filatelia, Programação Filatélica 2019, Selos estrangeiros | Deixar um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *