Representantes dos Correios e Sintect/CE se reúnem por videoconferência

Representantes do Sindicato dos Trabalhadores em Correios, Telégrafos e Similares do Estado do Ceará – Sintect-CE, da Diretoria Regional do Ceará e da Gerência de Relações do Trabalho – GRET/VIGEP se reuniram na sexta-feira (22), por videoconferência, para tratar de assuntos referentes à saúde do trabalhador, visitas do sindicato às unidades e paralisação.

Na ocasião, a DR/CE ressaltou a importância da homologação de atestados médicos demonstrando a preocupação da empresa com a promoção e prevenção à saúde dos empregados. Quanto às visitas, empresa e sindicato fizeram discussões sobre o tema, enfatizando o contido na Cláusula 16 do ACT 2015/2016, ou seja, o comum acordo entre as partes.

No tema “paralisação”, representantes da empresa destacaram a situação crítica dos Correios, focando na união em busca da solução dos problemas junto às representações dos trabalhadores.

A reunião foi encerrada com as partes concordando com o sucesso do canal de comunicação por videoconferência, podendo outras reuniões serem agendadas em breve.

Esta entrada foi publicada em Negociação Permanente e marcada com a tag , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Prezado leitor,

Só serão publicados comentários diretamente associados ao tema do post. Comentários com conteúdo ou termos ofensivos não serão publicados. Informações, dúvidas, sugestões ou reclamações sobre serviços devem ser encaminhadas ao Fale com os Correios

9 respostas a Representantes dos Correios e Sintect/CE se reúnem por videoconferência

  1. car disse:

    Representante dos trabalhadores dos correio, telegrafos e similares. Não sei se dou risada da piada ou choro.

  2. Tiago disse:

    Quando teremos retorno sobre o acordo coletivo 2016/2017. A data base é 01/08/2016. Não vamos fazer feio em ano de olimpíada onde os Correios são os patrocinadores oficiais.

  3. SÓ OBSERVANDO disse:

    Certeza que haverá PARALISAÇÃO, mais acho que se quiser não ter paralização é só começar o acordo coletivo pelas Clausulas FINANCEIRAS, e os outros temas poderia ficar para próximas reuniões de conciliações, assim não fica desgastantes a tratativa de acordo.

  4. JURA disse:

    É BEM ASSIM

  5. atendente classe mundial disse:

    A greve seria a ultima coisa que poderia acontecer, pois iria agravar ainda mas essa crise. E nos últimos anos não tem resolvido nada essas paralisações. Temos que aposta no dialogo sem absurdos.

  6. WORKING MAN - RUSH disse:

    O colega disse que deveriamos começar , pelas clausas FINANCEIRAS , e concordo plenamente , oras é a mais importante, por hora é o que realmente interessa, nos temos é que ter um dialogo franco e direto para que a data base se cumpra e para que não fica com um ato vergonhoso de grave e paralisações durante as olimpiadas. Aumento de trabalho , cobrança , e burocracia temos ganhado constantemente, porem reajuste que condis com que fizemos… aaah esse não vem faz tempo, as funções de gestores de AC’s , esta muito abaixo do trabalho que exercemos.Alias são praticamente todas as funções dos empregados concursados esta aquem do esperado( ja o de cargos comicionados…) seja ele de nivel medio ou superior, penso que isto deveria ser revisto, pois parece que a empresa quer colocar todos no mesmo nivel salarial, com isto não esta dando a importancia que cada cargo merece dentro desta empresa de 352 anos que esta prestes a entrar em colopso!!!.

  7. FLAVIO disse:

    Não vai ter aumento, pode ter aumento do vale/cesta, um abono
    pois o dinheiro esta gastando nesta porcaria de olimpida, que não vou perder tempo em ligar a televisão,fora patrocínio e triar este novo presidente que falou que a culpa da crise é dos empregados,boa piada será que ele entende de CORREIOS, tem colocar gente de carreira da empresa, eta politica suja que não acaba nunca

    • car disse:

      Nosso aumento já foi só e não para os trabalhadores dos correios e sim para os atletas só para colocar o nome do correio no boné, e na camiseta enquanto as câmara estiver filmando, o dinheiro acabou.

  8. José Resplande da Cunha disse:

    Com certeza vão utilizar a greve para dar inicio ao processo de privatização da ECT.
    A decisão já estar tomada só querem um motivo público para o início…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *