Começam negociações do ACT 2016/2017

Foram iniciadas ontem (17) as negociações do Acordo Coletivo de Trabalho – ACT 2016/2017. A situação é tão preocupante que o presidente dos Correios, Guilherme Campos, fez questão de abrir a reunião em Brasília. E em seguida, houve a apresentação dos resultados financeiros da empresa e definição do calendário de discussão dos temas.

Campos tratou de assuntos como a grave situação financeira dos Correios, ressaltando os prejuízos que uma possível paralisação pode trazer para a empresa. “Temos uma grande preocupação com a situação financeira da empresa e o abalo na reputação dos Correios. Temos que convergir para uma solução e quanto menos desgaste, melhor para todos. Nós temos essa disposição para negociar”, frisou.

A empresa fechou o ano passado com um prejuízo de cerca de R$ 2,1 bilhões. Se houvesse o lançamento contábil da Reserva Técnica de Serviço Anterior – RTSA o déficit seria maior. A empresa ainda está discutindo o assunto com os órgãos regulador e de controle, trazendo à luz essa questão.

A apresentação da área financeira demonstrou a evolução do resultado da empresa, apontando crescente diminuição da receita e aumento da despesa no período de 2012 a 2016.

Só no ano de 2016, até o mês de junho, a despesa dos Correios superou a receita em R$ 993 milhões, sendo que 73% das receitas de vendas são para cobrir despesa de pessoal.

Outro assunto abordado foi o Benefício Pós-Emprego, com a explicação do tema para as representações sindicais. Trata-se de uma exigência legal, que foi implementada em 2013. A partir do balanço daquele ano, os Correios passaram a apresentar em suas demonstrações financeiras os valores referentes aos benefícios de assistência de previdência e saúde no momento da aposentadoria.

Ficaram definidas as datas para discussão das seguintes cláusulas:

  • 18/8 – Apresentação da Postal Saúde e Cláusulas Sociais
  • 23/8 – Disposições Gerais
  • 24/8 – Relações Sindicais
  • 25/8 – Saúde do Trabalhador
  • 30/8 – Condições de Trabalho
  • 31/8 – Benefícios
  • 1°/9 – Cláusulas Econômicas
  • 8 e 9/9 – Pendências

Acompanhe pelos veículos de comunicação da empresa toda a negociação do ACT. No cenário de dificuldade financeira atual, fechar o acordo é responsabilidade de todos.

Esta entrada foi publicada em Negociação Permanente e marcada com a tag , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Prezado leitor,

Só serão publicados comentários diretamente associados ao tema do post. Comentários com conteúdo ou termos ofensivos não serão publicados. Informações, dúvidas, sugestões ou reclamações sobre serviços devem ser encaminhadas ao Fale com os Correios

75 respostas a Começam negociações do ACT 2016/2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *