Projeto Social dos Correios transforma vida de estudantes e revela talentos do squash

Se você perguntar a algum brasileiro o que é squash, pode ser que ele não conheça a modalidade. Ainda. Se depender dos Correios, Patrocinador Oficial do Squash do Brasil, o esporte, baseado nos princípios do tênis e que já foi considerado o mais saudável do mundo pela Revista Forbes, será popular em breve.

Praticado em uma quadra ou campo fechado por quatro paredes onde, obrigatoriamente, uma deve ser de vidro, o desporto, disputado em quase 200 países, já é sensação no Centro de Ensino Polivalente, em Brasília.

A modalidade foi apresentada aos estudantes, em 2018, por meio do Squash que Transforma. O projeto social, parceria entre os Correios e a Confederação Brasileira de Squash (CBS), busca transformar a vida de alunos de escolas públicas, proporcionando enriquecimento acadêmico, saúde, bem-estar, responsabilidade social e liderança por meio do esporte, com profissionais capacitados para diferentes atividades.

Atualmente cerca de 20 crianças participam do projeto. Uma van pega os jovens na escola e leva ao Capital Squash Center, onde eles praticam aulas do esporte e contam com aulas de inglês, auxílio na lição de casa e monitoria acadêmica individualizada. Depois das atividades, eles tomam banho, almoçam e retornam ao colégio. A iniciativa oferece ainda a participação em clínicas e competições da modalidade e promove o serviço comunitário: os jovens devem ser voluntários na comunidade por no mínimo 15 horas ao ano.

De acordo com o diretor executivo da CBS, Walter Meyer Karl, a iniciativa é inspirada no Squash Urbano, projeto que alia os pilares acadêmico, esportivo e comunitário para o desenvolvimento dos jovens e é bem-sucedido em vários países como EUA, Colômbia, Índia e África do Sul.

“O squash completa o ciclo de que as crianças e jovens precisam. E tem a parte pedagógica, eles também têm que estudar. É um exemplo de projeto a ser seguido no Brasil inteiro e replicado, porque é um modelo que dá certo e o resultado vem muito rápido. A estudante Ana Clara Ferreira, por exemplo, foi campeã da categoria sub 13 e vice-campeã na categoria sub 15, da terceira etapa do Circuito Correios de Squash Juvenil, apenas três meses depois de conhecer a modalidade. Então as crianças conseguem se divertir, estudar e, quem sabe, se fizermos o projeto em massa, há a possibilidade de ter um atleta que sobressaia e vire um atleta profissional, mas o foco do projeto é a valorização, é qualidade de vida dos jovens”, conta.

Se depender dos jovens do Squash que Transforma, a iniciativa está mais que aprovada. A estudante Maria Júlia, de 12 anos, além de conhecer o esporte, viu na prática outras oportunidades.

“A gente fez várias amizades que vai levar para a vida toda e ainda tem o tempo de estudo, que me ajuda muito, estou muito feliz. Dependendo de até onde o projeto vai, quero estar sempre com eles, acho incrível. Aqui tem tudo o que a gente precisa. Não tem motivo nenhum para não vir. Achei o esporte legal, uma dinâmica interessante, porque as regras não são complicadas. É empolgante. O melhor é estar em quadra jogando e, principalmente, a oportunidade de conhecer profissionais do squash, como o atual campeão brasileiro, Diego Gobbi. É emocionante ver que começaram da mesma forma que estamos começando”, conta a estudante.

Squash – O nome do esporte refere-se som emitido quando a bola do jogo é esmagada – squash, em inglês – pela raquete contra a parede. As partidas podem ser jogadas com dois jogadores (um contra o outro), ou em quatro jogadores (duas duplas). Cada jogador deve portar uma raquete e é utilizada apenas uma bola preta de borracha para cada partida. A origem da modalidade conta com duas principais versões: a primeira remonta à França do século XVI e teria sido praticada em mosteiros e outros locais do mesmo tipo; a segunda atribui o surgimento do esporte à Inglaterra do século XIX, quando presos adaptaram o tênis às condições de ambiente ali existentes.

Assista a matéria do Bom Dia DF sobre o projeto: https://globoplay.globo.com/v/7305422/

Quer conhecer mais o esporte ou começar a praticar a modalidade? Acompanhe a Confederação Brasileira de Squash e o Novo Squash Brasil.

 

 

 

 

Publicado em Patrocínios, Responsabilidade Socioambiental | Com a tag , , , , , | Deixar um comentário

Exposição “Divas não pedem perdão” termina hoje

Hoje (17) é o último dia para conferir a exposição “Divas não pedem perdão”, da artista visual Lígia Teixeira. A mostra já recebeu mais de 50 mil visitantes. Quem for ao Centro Cultural Correios Rio de Janeiro (CCCRJ) também vai poder acompanhar, no encerramento do evento, a conversa com o curador da exposição, Alexandre Murucci, além de uma performance de pole dance.

A partir de colchões usados, onde faz interferências com tinta e pinceis, Lígia reflete a questão do empoderamento feminino, o erotismo e a afirmação do desejo através de dançarinas de pole dance. O curador, Alexandre Murucci, criou um palco em formato de cruz onde sete colchões de casal ficam dispostos no terceiro andar, tendo um mastro usado nas coreografias pole dance posicionado no centro da sala.

Nesse campo repleto de referências e memórias, Lígia lança mão da imaginação para sobrepor personagens que vivem outras histórias. Neste caso, dançarinas de pole dance alçadas ao posto de divas e eternizadas

“O desgaste do uso, o forro por vezes furado por um cigarro, a mancha e o suor deixados por corpos que ali se amaram, ou por alguém que sofreu a solidão de noites insones… tudo é matéria expressiva que se agrega à construção de novas narrativas. Mais do que tornar o ato de dormir confortável, colchões são objetos impregnados de simbolismo, aconchegam nosso corpo e poderiam contar a história íntima de nossas vidas. O fato de ser um colchão usado, independente do tema, vem impregnado com um conceito do uso do corpo, assumir o próprio corpo na intimidade”, analisa a artista Ligia Teixeira.

Para o curador Alexandre Murucci, a presença do feminino é o tema onipresente na obra de Ligia Teixeira.  “Mesmo quando ela lança seu olhar para congelar fricções sociais ou políticas, é a figura da mulher que se coloca protagonista. Nelas, há sempre um ato libertário, corajoso nos dias que seguem, porém natural no vocabulário da artista, que celebra nesta exposição 30 anos de trajetória”, observa.

Ampliando uma crônica de gênero que apresentou na TRIO Bienal 2017 na Cidade das Artes, com a obra “#DIVAS NÃO PEDEM PERDÃO” – um boudoir interativo e festivo, Ligia agora monta um cenário mais alusivo às estruturas de poder que sempre historicamente oprimiram o feminino, principalmente através da negativa ao prazer e ao não-domínio do próprio corpo.  Neste trabalho, um mastro pole-dance surge para performances que a artista promove e também para interação do público. Ali, a ousadia é um instrumento político de pertencimento e o movimento dos corpos, uma caligrafia de autoralidade.

Serviço:

Exposição: “#DIVAS NÃO PEDEM PERDÃO” – LIGIA TEIXEIRA

Encerramento: 17 de janeiro de 2019, às 16h
Local: Centro Cultural Correios Rio de Janeiro
Endereço: Rua Visconde de Itaboraí, n. 20, Centro, Rio de Janeiro.
Tel.: 2253-1580 (recepção)

 

 

 

Publicado em Agenda cultural, Institucional, Patrocínios | Com a tag , , , | 1 comentário

Soluções dos Correios para o segmento Governo ganham página exclusiva

Com o objetivo de manter uma comunicação direta com os órgãos da Administração Pública, os Correios acabam de lançar uma landing page exclusivamente voltada para o Governo, que reforça o posicionamento da empresa como principal parceira dos órgãos públicos, uma vez que oferece desde soluções de logística integrada até o atendimento ao cidadão, por meio da sua rede de agências.

Com navegação intuitiva e leiaute adaptado para visualização em smartphones e tablets, a página apresenta as soluções de logística de suprimentos, logística farmacêutica e gestão documental, além de divulgar os Correios como principais agentes do Governo para atendimento ao cidadão, incluindo um registro histórico das principais operações logísticas da estatal com o segmento.

A iniciativa também disponibiliza para os gestores públicos a “CartaGov”, documento que reúne 39 soluções customizadas ofertadas pelos Correios aos órgãos públicos, bem como e-books contendo tendências de mercado, pesquisas e soluções para redução de custos e otimização dos recursos públicos. Saiba mais acessando: www.correios.com.br/governo.

Publicado em Sem categoria | 1 comentário

Exposição Benet Domingo chega ao fim no domingo

Quem estiver na Cidade Maravilhosa, neste fim de semana, não pode perder a exposição Benet Domingo, a trajetória de um artista”. Realizada no Centro Cultural Correios (CCCRJ), a mostra, que apresenta mais de 300 obras do artista, arquiteto e cenógrafo catalão, Pere Benet Domingo, termina no próximo domingo (13).

A exibição conta com  pinturas a óleo, fotografias, desenhos a carvão, desenhos a nanquim, aquarelas, pastéis, projetos de carnaval, cenários e pinturas religiosas do artista, exilado no Rio de Janeiro nos anos 50.

As obras trazem um panorama histórico das décadas de 20, 30 e 40 na Espanha e 50 e 60 no Brasil, com uma rica leitura sobre os personagens, costumes, teatro e cinema novo no Rio de Janeiro e revelam, de forma completa, a vida e obra do artista.

Quem for ao encerramento da mostra, no domingo, também tem a possibilidade de participar da visita guiada com a curadora da exposição, Pilar Benet Domingo, às 14h, ou da performance “Obrigado, Rio” com a atriz Dani Greco, às 17h.

Pere Benet Domingo –  Apesar da breve vida – faleceu em 1969, aos 55 anos –, o artista teve trajetória marcante no Brasil e na Espanha, realizando mais de 30 exposições, 33 cenografias teatrais, mais de 20 cenografias carnavalescas e 14 cenografias cinematográficas. Também realizou as pinturas murais na Capela do Monte Calvário, em Arenys de Mar, na Espanha, e nas Igrejas de Santo Agostinho, Sant’Ana e Santo Antônio, no Rio de Janeiro.

Exposição: “Benet Domingo, a trajetória de um artista” – Pilar Domingo e Casa Benet Domingo

Visitação: Até 13 de janeiro 2019
Horário de funcionamento: de terça a domingo, das 12h às 19h
Local: Centro Cultural Correios Rio de Janeiro
Endereço: Rua Visconde de Itaboraí, n. 20, Centro, Rio de Janeiro
Tel.: 2253-1580 (recepção)
Informações e agendamentos: contato@casabenetdomingo.com

Publicado em Sem categoria | 1 comentário

Documentos perdidos podem estar disponíveis nas agências dos Correios

Ouça aqui

Publicado em Áudio | Deixar um comentário

Correios lança edital para instalação de agências modulares

Os Correios recebem, até o dia 8 de março de 2019, propostas de estabelecimentos comerciais interessados em instalarem os canais de atendimento “Correios Aqui”. Nessa primeira fase, serão licitados 27 lotes em 11 estados.

A iniciativa faz parte do processo de remodelagem da rede de atendimento dos Correios, que prevê a implantação de novos canais de atendimento físicos e digitais que proporcionarão uma nova experiência aos clientes dos serviços postais e serão diferenciados em relação às unidades de atendimento tradicionais hoje instaladas.

As unidades modulares foram desenvolvidas com o intuito de adequar a capacidade produtiva da rede de atendimento em regiões de mercado moderado. O público-alvo do edital são as lojas de varejo que possuam atividades comerciais compatíveis e não concorrentes aos Correios, para atuarem em um modelo de atendimento físico, do tipo loja dentro de loja, utilizando de suas infraestruturas, experiências, recursos humanos e conveniências.

O novo canal tem potencial para trazer resultados relevantes tanto para o parceiro quanto para os Correios. Ao parceiro trará ganhos por meio do aumento do fluxo de pessoas em sua loja e da remuneração pelos serviços postais. Para os Correios, a grande vantagem será a redução de custos com manutenção da rede de atendimento e aumento de capilaridade, bem como melhoria da jornada e da experiência dos clientes.

Mais informações sobre o edital podem ser obtidas no site dos Correios.

Publicado em Sem categoria | Deixar um comentário

Daniel Santiago e Pedro Martins apresentam o projeto ‘Simbiose’ no Museu Correios

O Museu Correios, em Brasília, recebe o show Simbiose com os músicos Daniel Santiago e Pedro Martins no próximo sábado, 22, às 20h no encerramento das atividades de 2018 do projeto Acontece no Museu. A apresentação dos músicos brasilenses conta com repertório autoral além de pérolas do cancioneiro brasileiro de domínio público.

O projeto, idealizado pela Villa-Lobos Produções e André Trindade produções, ocupa o auditório do museu desde maio, oferecendo entretenimento, por meio de peças e shows; formação e conhecimento com as oficinas, painéis e debates e cursos voltados para as diversas áreas da cadeia produtiva da cultura.  Os 23 eventos realizados passaram por temas como a literatura, a música, a fotografia, o teatro, acessibilidade e inclusão, Direito autoral, entre outros.

A programação – ora gratuita, ora a preços populares – ganhou público cativo e engajado, inclusive nas redes sociais, o que contribui no fomento da produção de artistas de Brasília, sem deixar de lado artistas de outras localidades e que também participaram desse movimento. A temporada 2019 prevê programação variada, a criação de um canal no YouTube e a ampliação da rede de apoiadores para fortalecer o cenário cultural da capital.

Sobre o Museu – O Museu Correios tem se destacado no cenário brasiliense com uma programação variada e inclusiva, garantindo o acesso de estudantes e do público em geral a diversas manifestações culturais. Reaberto em 2012, exerce ainda papel fundamental no resgate e preservação da história dos Correios no Brasil.

Publicado em Patrocínios | Com a tag , , , , | Deixar um comentário

Selos sobre rádios antigos viram brinquedo de papel

 Ouvir  Baixar

Rádios antigos é o tema da nova emissão filatélica que entra em circulação nesta sexta-feira, dia 14 de dezembro. A peça traz um diferencial que vai deixar a garotada, em especial os integrantes dos clubes filatélicos mirins, muito animados: o bloco, composto por quatro selos, se transforma em uma dobradura de papel na forma de um rádio valvulado.

O miniaparelho de rádio pode ser montado com uso de tesoura, cola e o próprio picote dos selos, constituindo uma metáfora para a prática do radioamadorismo, e sua tradição de montagem de equipamentos eletrônicos.

O aparelho que inspirou a arte da emissão especial é do engenheiro de Telecomunicações José Fausto, de Brasília, que é colecionador de rádios antigos.

A emissão tem tiragem de apenas 50 mil selos, com valor facial R$ 7,60, que corresponde à soma dos valores dos quatro selos. As peças estarão disponíveis nas agências de todo o país e também na loja virtual dos Correios, no endereço http://shopping.correios.com.br/

De Brasília, Aline Campos

Publicado em Áudio, Filatelia | Deixar um comentário

Brasil estreia com Bronze no Mundial da China

Foto: Satiro Sodré/SSPress/CBDA

O quarteto formado por Cesar Cielo, Marcelo Chierighini, Matheus Santana e Breno Correia conquistou medalha de bronze no revezamento 4x100m livre nesta terça-feira (11) em Hangzhou, na China. O primeiro dia da 14ª edição do Campeonato Mundial de Piscina Curta também trouxe uma conquista inédita ao atleta Cesar Cielo: o título de maior brasileiro medalhista em mundiais.

O Brasil participa com um time de 20 atletas, alguns já famosos no esporte como Etiene Medeiros, bicampeã mundial em piscina curta e campeã em piscina longa, o recordista mundial dos 50m borboleta, Nicholas Santos.

Multicampeão em etapas da Copa do Mundo da Fina,  o nadador Felipe Lima, vive uma ótima temporada na carreira e é uma das estrelas brasileiras na competição nas provas 50m e 100m peito, além de revezamentos. A expectativa é que a equipe fique entre as primeiras no quadro de medalhas.

O evento vai até o próximo domingo e as eliminatórias são transmitidas sempre a partir das 23h (de Brasília) e finais às 8h30.

Apoio – Os Correios são o patrocinador oficial da Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos (CBDA), apoiando a formação de novos atletas nas cinco modalidades.

Publicado em Patrocínios | Com a tag , , , | Deixar um comentário

Selo homenageia o centenário do nascimento de Nelson Mandela

Hoje (10), dia em que a Declaração Universal dos Direitos Humanos completa 70 anos, os Correios lançam a emissão comemorativa “Centenário do Nascimento de Nelson Mandela”. O selo é uma homenagem a Mandela por sua luta contra a discriminação racial e contribuição aos direitos civis. O lançamento será realizado no Palácio do Buriti, em Brasília, e contará com as presenças de representantes do corpo diplomático e autoridades do governo federal.

A arte da peça é uma ilustração de Eduardo Kobra, que utilizou camadas texturizadas, linhas fortes e seções fragmentadas. O artista empregou imagens em preto e branco colocando-as contra fundos xadrez coloridos. O mural de Nelson Mandela foi originalmente apresentado em uma exposição do ilustrador brasileiro intitulada Peace, no ano de 2014, na Dorothy Circus Gallery, em Roma.

A tiragem da emissão é de 360 mil selos, com valor facial de R$ 2,35. As peças estarão disponíveis nas agências de todo o país e também na loja virtual.

Reconhecimento –  Pela atuação em prol da igualdade e do respeito, em todas as esferas, os Correios receberam neste ano o Prêmio Direitos Humanos 2018, honraria concedida pelo Ministério dos Direitos Humanos (MDH) a pessoas físicas ou jurídicas que se destacam na promoção e defesa dos direitos humanos.

Ciente de sua responsabilidade social, a empresa desenvolve internamente o Programa Diversidade, Inclusão e Direitos Humanos, que fomenta ações corporativas para superar desigualdades, preconceitos e discriminações no ambiente de trabalho. Também é signatária do Pacto Global das Nações Unidas, incluindo em suas práticas valores fundamentais e mundialmente aceitos nas áreas de direitos humanos, relações de trabalho, meio ambiente e combate à corrupção.

Publicado em Filatelia | Com a tag , , , , | Deixar um comentário