Museu Correios promove uma imersão na Tropicália com arte e música

O Museu Correios, em Brasília, recebe nos dias 15 e 16 de dezembro o espetáculo Tropicália aos Demais, que celebra os 50 anos do movimento tropicalista. O show tem arranjos para violão (Felipe Barão), percussão (Isabella Pina) e flauta (Alessandra Lalucce) e cinco cantores-intérpretes: Mario Noya, Geraldo Carvalho, Laura Simoni, Letícia Carvalho e Tuka Villa-Lobos. O grupo promete uma imersão na Tropicália com muita reverência, como conta a produtora  Tuka Villa-Lobos: “A expressão É proibido Proibir já diz muita coisa sobre a liberdade de expressão que o movimento tropicalista inseriu na cultura brasileira e, seguindo este sentimento, o espetáculo trabalha as canções icônicas da Tropicália com muito respeito, muita dedicação e também lança mão desta liberdade em inserir arranjos de vozes e instrumentos, sem em nenhum momento desconstruir o universo musical tropicalista”.

A produção foi idealizada exclusivamente com artistas brasilienses, uma forma de conquistar espaço no mercado da capital para musicais e projetos afins, que ao mesmo tempo trazem cultura, educação, cidadania e evidenciam artistas locais, além de fomentar a formação de público para o gênero. A programação, que começa às 17h30, conta com a exposição Poema em Cartaz, do poeta Robson Anderson e do design Claudio Fontana, que homenageiam vários artistas com poemas e referências gráficas; e a exibição de documentários e entrevistas com os protagonistas da Tropicália já nos tempos atuais, onde eles falam de seus sentimentos, realizações e sobre o movimento como um todo.

O tropicalismo provocou uma mudança na música e na cultura brasileira nos anos de 1967 e 1968. Incorporou novos elementos a MPB como a guitarra elétrica, o rock, samba e novos arranjos que modernizaram a música na época, rompendo barreiras e dando novos contornos à cultura nacional. Irreverente, o movimento protagonizado por um coletivo que incluía músicos como Caetano Veloso, Gilberto Gil, Gal Costa, Tom Zé, Rogério Duprat e Nara Leão agitou o cenário musical, a política e o comportamento do brasileiro. Foi reprimido pelo governo militar com a prisão de artistas no final de 68, mas já tinha conquistado seu espaço na história.

Serviço

Espetáculo Tropicália aos Demais – Uma homenagem aos 50 anos da Tropicália

Local: Teatro do Museu Correios (SCS Q. 4 Bl. A Edifício Apollo – Asa Sul, Brasília)

Data: 15 e 16/12, a partir das 17h30; show às 19h

Classificação indicativa: livre

Valor: R$ 20 e R$ 10 (meia)

Venda antecipada de ingressos: WhatsApp (61) 98223-3452 e internet (15/12 e 16/12)

 

 

 

Publicado em Agenda cultural | Com a tag , , , , | Deixar um comentário

Niterói recebe exposição de pintura no Espaço Cultural Correios

A mostra ‘No princípio eram os totens’, do artista plástico franco-brasileiro Eduardo Werneck, está em cartaz no Espaço Cultural Correios, em Niterói. A entrada é franca.

A exposição traz uma série de pinturas de grandes e pequenas dimensões, marcadas pela forma do totem. Para o curador da exposição, Marcus Lontra, o impacto visual dos trabalhos de Eduardo Werneck é provocado por uma instigante relação entre a figuração e o gesto, entre a construção de uma nova paisagem e a autonomia do discurso pictórico. “Trata-se de um pintor sofisticado e de grandes recursos técnicos oriundos de sua formação intelectual e de longos períodos vividos em Paris. Entre a luminosidade tropical e a elegância dos elementos compositivos da imagem, Eduardo Werneck elabora, nessa série, uma verdadeira ópera visual de intensa beleza e encantamento”, completa Lontra.

Formado pela Escola de Artes Aplicadas de Paris e com passagem pela Faculdade de Artes Plásticas da Universidade de Paris VIII, Werneck transportou os conceitos adquiridos em seus mais de 30 anos de carreira, a maior parte vividos na França, para essa mostra inédita. Seus outros experimentos já foram apresentados em diversas exposições na França, na Dinamarca, além de diversas cidades brasileiras, como Brasília, São Paulo e Florianópolis. A exposição ficará aberta até 24 de fevereiro de 2018, de segunda a sábado, das 11h às 18h, exceto feriados, no Espaço Cultural Correios de Niterói (Rua Visconde do Rio Branco 481 – Centro)

Publicado em Agenda cultural | Com a tag , , , | Deixar um comentário

Correios entrega 1,8 milhão de coleções com livros infantis da Fundação Itaú Social

Desde 2010, os Correios são o operador logístico responsável por entregar os livros da campanha “Leia para uma criança”, do Itaú. Uma das razões para a escolha dos Correios foi a malha logística da empresa, única capaz de realizar entregas em todas as regiões do país.

Neste ano, cerca de 1,8 milhão de entregas foram feitas, totalizando 3,6 milhões de livros infantis. A logística de armazenagem e a preparação dos kits tiveram início em julho e as entregas em todo o Brasil começaram em outubro.

Iniciativa da Fundação Itaú Social e do Banco Itaú, a ação tem o objetivo de estimular a leitura do adulto para a criança e introduzir o hábito de ler na rotina dela. A leitura é uma forma de interação com o ambiente, facilita a compreensão do mundo para os pequenos e desperta diferentes habilidades, como a linguagem, a ampliação de vocabulário, a criatividade e a descoberta do imaginário.

Junto com os Correios, o Itaú Criança já distribuiu mais de 50 milhões de livros. A campanha utiliza vários serviços, como Sedex, PAC, carta registrada e mala direta, e percorre o processo completo, desde a solicitação até o tratamento, a distribuição e a entrega dos livros.

A coleção deste ano foi composta por dois livros: O Menino Azul (Cecília Meireles) e Em Cima Daquela Serra (Eucanaã Ferraz, com ilustração de Yara Kono). Dos exemplares disponibilizados, 200 mil livros foram reservados a secretarias, prefeituras e coordenadorias regionais.

Publicado em Negócios e Mercado | Com a tag , , | Deixar um comentário

Telegrama via internet é comunicação rápida, confidencial e segura

O telegrama é o tipo de mensagem que se recebe com expectativa: pode ser a convocação para uma vaga em um emprego público ou uma felicitação por aniversário. Entregue no Brasil e no mundo em até quatro horas, dependendo do horário de postagem, o telegrama é um produto para quem precisa se comunicar com segurança, confidencialidade, urgência e valor probatório.

Para enviar, é só acessar a loja virtual dos Correios, digitar a mensagem, endereçá-la corretamente e enviá-la a qualquer pessoa, tanto no território brasileiro quanto no exterior, com entrega física da mensagem transmitida, autoenvelopada sem intermediação humana, no endereço do destinatário.

Por medida de segurança, para evitar spam e e-mails falsos em nome dos Correios, é importante saber que telegramas não são entregues e nem têm sua entrega notificada por e-mail.

Publicado em Negócios e Mercado | Com a tag , , | Deixar um comentário

Esclarecimento – Matéria Revista Carta Capital

A respeito da matéria “Zona de negócios ilícitos”, publicada pela revista Carta Capital na edição deste fim de semana, os Correios informam que a nova diretoria, desde junho de 2016, vem enfrentando resistências, ora internas, ora externas, contra as mudanças propostas para o processo de reestruturação dos Correios a fim de reerguer a empresa e manter sua sustentabilidade. Diante disso, a empresa vem esclarecer alguns pontos abordados na referida publicação:

Indicações
Os Correios são uma empresa pública por definição e assim, por força de seu estatuto social, Decreto 8016/13, tem suas vagas de Diretoria e Administração preenchidas, nos termos da Lei 13.303/2016, por recomendações do Presidente da República, do Ministério da Ciência Tecnologia Inovações e Comunicações (MCTIC), do Ministério do Planejamento e de um representante eleito pelos empregados no Conselho de Administração.

Nomeações e Exonerações 
A empresa, também por força de seu estatuto, respeita a Lei 13.303/2016 no seu artigo 17, para a elegibilidade de seus dirigentes e, da mesma forma, tem a possibilidade de exonerar, a qualquer tempo, seus dirigentes, uma vez que tais cargos são de livre nomeação e destituição, sendo certo que todas respeitaram este ordenamento.

TCU
Foi oferecida representação junto ao Tribunal de Contas da União quanto a supostas irregularidades na contratação da empresa NEXXERA, a qual foi conhecida pelos Correios e devidamente respondida por seu corpo jurídico. Importante destacar que a referida representação afirma irregularidades no citado contrato, porém, até o presente momento não há contrato subscrito entre estas partes, mas apenas um processo de construção da referida parceria, com a ampla participação de todas as áreas da empresa, para atender demanda pendente desde pelo menos 2009, o que foi exaustivamente exposto para o TCU.
Sobre isso, cabe esclarecer que, para garantir transparência, por iniciativa da própria direção dos Correios, o assunto foi levado previamente aos órgãos de aprovação (TCU e CGU), por meio de apresentações que expuseram ações que visam à modernização da empresa frente ao mundo digital, as quais foram muito bem recebidas e até mesmo elogiadas por ambos os órgãos.

Denúncia 
Não há que se falar em “tramoia” no contrato de oferecimento do serviço postal eletrônico, pois trata-se de medida alternativa para o mercado postal tradicional, cujo volume vem apresentando uma curva decrescente a cada ano. O serviço postal eletrônico tem se tornado merecedor de tratamento estratégico dentro dos Correios, por estar alinhado às diversas soluções de comunicação digital hoje existentes (aplicativos de mensagens instantâneas), com a garantia da segurança das informações. Opor-se a esse projeto é tão e somente um ato de irresponsabilidade daqueles que não têm qualquer comprometimento com o futuro da empresa, e esperam o aporte de recursos do Governo Federal.
Ao contrário do que diz a revista, a parceria não nasceu na área financeira, mas está sendo estruturada na área de Novos Negócios dos Correios, alocada na área de finanças da empresa, exatamente pela necessidade de se ter absoluta segurança quanto a sua viabilidade econômico-financeira, ou seja, na garantia de lucratividade para a empresa.

Cenário Político 
As circunstâncias políticas que levaram à nomeação ou à exoneração dos dirigentes citados na matéria em nada influenciam o cenário exposto. Qualquer membro da Diretoria Executiva deve enfrentar a dificuldade decorrente da queda do fluxo dos serviços monopolizados e propor soluções que se encontram hoje no ambiente concorrencial, portanto, todas as conjecturas que a matéria apresenta não passam de suposições, sendo certo que o passado de cada uma das pessoas ali citadas não influenciou as decisões que a Diretoria da empresa tomou de forma colegiada.

Processo Interno do Serviço Postal Digital
A partir do início da discussão desta solução digital, foi instaurado processo legítimo dentro da empresa, com participação de todas as áreas envolvidas, aproveitando-se todos os projetos frustrados nestes mais de 10 anos de tentativas internas, visando a construção deste negócio, submetendo-se tal processo, mais de uma vez, a avaliação de conformidade pelas áreas de Compliance, Auditoria, Governança, Comercial, de Canais, Tecnologia, Financeira, áreas de Negócio e da área responsável segundo suas atuais diretrizes, atingindo o atual estágio de conformidade e base de entendimento, suficiente para admitir o prosseguimento e oferecimento do serviço ao mercado. Todas as etapas de definição deste processo foram enfrentadas pela base técnica da empresa e submetidas às suas instâncias de aprovações, quais sejam, Diretoria Executiva e Conselho de Administração.
Quanto ao processo envolvendo a empresa Valid, vale esclarecer que o Ministério da Fazenda entendeu não ser o momento para se investir capital público em uma proposta, como à época se pretendia conduzir, de parceria societária com investimento dos Correios. Entre os anos de 2013 e 2017, é inquestionável o avanço da tecnologia,  e o formato hoje pretendido é absolutamente diverso daquele apresentado no passado, a começar pelo fato de que não há qualquer desembolso da empresa pública para o oferecimento do serviço, ao contrário, toda a tecnologia e investimentos feitos pelo possível parceiro privado serão agregados pelos Correios sem qualquer custo, mediante apenas  remuneração à contratada, após a empresa conquistar novos clientes e receber novas receitas.
Por todo o exposto, a oferta dos serviços postais no âmbito digital é imprescindível para que a empresa obtenha resultados favoráveis, portanto, qualquer gestor responsável que se apresente na condução dos Correios deverá desafiar este assunto e implementá-lo, com a responsabilidade da garantia do emprego direto de 108 mil famílias brasileiras.

Publicado em Institucional | 15 comentários

Com erro zero, Correios conclui operação do Enem 2017

Os Correios foram os responsáveis por toda a distribuição das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2017 em uma megaoperação logística com erro zero. O trabalho abrangeu 1.750 cidades do Brasil e envolveu as seguintes etapas: armazenamento; transporte de interiorização; distribuição; coleta e logística reversa (retorno do material para processamento e correção).

Um dos desafios enfrentados pelos Correios foi a entrega de 35 mil malotes em uma janela de três horas (entre 8h e 11h), passando por todos os Estados e percorrendo 350 mil quilômetros pelo país para cada um dos dias de operação, ou seja, 70 mil malotes ao todo. Para toda a operação, foram utilizadas 45 aeronaves e 42 carretas, além de mais de 13 mil pessoas envolvidas diretamente na distribuição e coleta dos malotes. Os atendimentos especializados também devem ser considerados, como a entrega de provas em hospitais e casas.

O Enem desse ano trouxe duas novidades: a prova passou a ser  personalizada, com identificação do nome e número de inscrição, e foi realizada em dois domingos consecutivos, sendo a primeira prova aplicada em 5 de novembro e a segunda no dia 12. Antes os exames eram realizados em dias consecutivos, sábado e domingo. Além disso, o exame deixou de certificar o ensino médio, função que voltou ao Encceja. Como cerca de 15% dos participantes faziam o Enem com esse objetivo, as inscrições confirmadas caíram de 7.603.291, em 2016, para 6.731.344, em 2017.

As provas foram aplicadas em 182.339 salas e distribuídas em 12.432 locais de avaliação. No total, foram mais de 14 milhões de provas impressas que somam 467,2 milhões de páginas.

O Enem 2017 em números:

6,7 milhões
Número de inscritos confirmados no Enem. Exatamente: 6.731.344

600 mil
Pessoas mobilizadas para a organização do evento

467,2 milhões
Páginas usadas para imprimir os cadernos de questões

12.432 locais de prova
Em 1.750 cidades diferentes

23 mil agentes
Para fazer a segurança no transporte e nos locais de prova, dentre órgão de segurança pública, Correios, aplicadores etc.

R$ 589 milhões
Gasto estimado para a realização das provas neste ano

Publicado em Negócios e Mercado | Com a tag , | 2 comentários

Centro Cultural Correios no Rio recebe peça “O Princípio de Arquimedes”

Está em cartaz no Centro Cultural Correios Rio de Janeiro o espetáculo “O Princípio de Arquimedes”, texto premiado do autor catalão Josep Maria Miró, após uma bem sucedida primeira temporada, que mereceu aplausos da crítica e do público.

Helena Varvaki, Cirillo Luna, Gustavo Wabner e Sávio Moll formam o elenco da montagem, a terceira da Lunática Companhia de Teatro e da Territórios Produções Artísticas, que comemora cinco anos de trabalhos teatrais.

O texto já foi montado em países como Argentina, México, Reino Unido, França, Itália, Estados Unidos, Chipre, Grécia, Alemanha, Rússia, Croácia, Uruguai e Porto Rico. A trama gira em torno dos acontecimentos após um gesto de carinho de um professor de natação infantil em seu aluno, o que gera uma onda de medo e preconceitos. O premiado texto de Miró instiga o espectador a fazer seu próprio julgamento.A direção é de Daniel Dias da Silva.

A peça fica em cartaz de até 22 de dezembro de 2017 e de 5 de janeiro a 4 de fevereiro de 2018, de quinta a domingo, às 19h, no Centro Cultural Correios (Rua Visconde de Itaboraí, 20 – Centro). A classificação etária é 16 anos e os ingressos custam R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia).

 

 

 

Publicado em Agenda cultural | Com a tag | Deixar um comentário

Selo dos Correios comemora 50 anos da Funai

Os Correios lançaram, na última terça-feira (5), selo e carimbo comemorativos pelos 50 anos da criação da Fundação Nacional do Índio (Funai).  Principal executora da política indigenista do governo federal, a Funai tem a missão de proteger e promover os direitos dos povos indígenas, o desenvolvimento de políticas sustentáveis, além da demarcação, regularização e registro das terras ocupadas por esses povos.

A cerimônia de lançamento foi realizada na sede da Funai, em Brasília, e contou com a presença do vice-presidente de Administração dos Correios, Demétrius Torres Guiô, do presidente do órgão, Franklimberg Ribeiro, do cacique do Fórum dos Terenas (MS), Janis Reginaldo, e da diretora de Proteção Territorial da Funai, Azelene Inácio, entre outros. 

Segundo Demétrius Torres Guiô, para os Correios é uma grande honra celebrar os 50 anos da entidade, que tem a difícil missão de promover e proteger os povos indígenas. “Os Correios também contribuem para a preservação e difusão da história do Brasil, por meio de ações filatélicas como essa, que homenageia a simbólica Funai. A partir de agora, a Funai e o importante trabalho por ela desenvolvido nesse meio século de criação passa a integrar o rico acervo filatélico nacional”. Azelene Inácio agradeceu aos Correios. Para ela, a importância do evento está ligada ao trabalho realizado pelo órgão e em relação à diversidade do país. “O Brasil é diverso. O Brasil dos povos indígenas é um Brasil de muitos brasis e de cada povo indígena. É preciso repensar a política indigenista para que ela possa contemplar essas diversas etnias. E conquistar da autonomia dos povos indígenas, onde o respeito a cada realidade passa pelo nosso trabalho”.

Para o presidente da Funai, o lançamento do selo evidencia que o trabalho promovido pelo órgão é perene. “São 305 etnias. São 374 idiomas falados por essas etnias. Essa população indígena ocupa hoje 14% do território nacional. Hoje, essas são as áreas mais preservadas do nosso país. E toda essa responsabilidade é atribuída aos servidores da Fundação Nacional do Índio, a quem faço meu agradecimento pelo trabalho em prol da política indigenista nacional. As pessoas passam, mas a instituição fica. E nosso muito obrigado aos Correios, por essa celebração e por essa oportunidade”.

O cacique Janis Reginaldo fez um agradecimento emocionado, onde lembrou a importância da história da Funai. “Não falo aqui em nome de outras comunidades. Estou aqui representando o povo terena, com tantas diferenças entre cada etnia. Mas como ser humano, uma pessoa só. Eu sou grato por esse momento. Jamais vou esquecer. É um momento inédito. Tem uma história que construiu isto aqui. E que não fica só nisso. Essa é uma missão muito árdua, ainda mais no momento que passa o Brasil. Levarei essa novidade para a minha comunidade”.

O selo dos 50 anos da Funai apresenta o desenho do mapa do Brasil formado por objetos da cultura indígena e traz abaixo os dizeres “Funai – 50 anos de promoção e proteção dos direitos dos povos indígenas”.

Publicado em Filatelia | Com a tag , , | Deixar um comentário

Telefonia celular dos Correios chega à Bahia

Os Correios lançaram sua operação do Correios Celular na Bahia. A cerimônia foi realizada em Salvador com a presença do presidente dos Correios, Guilherme Campos, do vice-presidente de Operações, Miguel Martinho, do superintendente estadual Vaner José do Prado, do gerente de Marketing da EUTV, Davi Fraga, e do maratonista aquático Allan do Carmo. O evento também contou com a participação da banda feminina de percussão Didá, que realizou show para os convidados presentes.

A comercialização na Bahia será implantada gradualmente: a primeira fase do projeto prevê a oferta do serviço nas agências com o prefixo DDD 71 na região metropolitana de Salvador, totalizando 42 unidades. Os demais DDDs da região entrarão em operação até o primeiro trimestre de 2018.

Para o presidente da empresa, o grande diferencial do serviço está na associação à palavra Correios. “Presença nacional, capilaridade, confiança e capacidade de entregar aquilo que se compromete a realizar. O objetivo, com o Correios Celular, é oferecer aos nossos clientes um serviço transparente, simples, prático e com pacotes que estão entre os mais baratos do mercado”.

Nova promoção – A novidade é a promoção Pague 3, Leve 6 – que vai até o fim de dezembro. Nesse período, os clientes que fizerem recarga de R$ 90,00 receberão o mesmo valor de bônus, ou seja, terão R$ 180,00 de crédito. A promoção também é válida para a recarga de R$ 180,00 nos mesmos moldes, ou seja, os clientes que fizerem a recarga nesse valor receberão mais R$ 180,00 de bônus, totalizando R$ 360,00 de crédito.

As recargas do Correios Celular podem ser feitas diretamente nas agências, pela internet no www.correioscelular.com.br, nas máquinas de cartão de crédito da Cielo, ou, ainda, diretamente do telefone que contém o chip amarelinho dos Correios – via atendimento eletrônico, discando *290, ou mandando SMS para o número 290 com a palavra RECARGA.

Publicado em Negócios e Mercado | Com a tag , , , | 1 comentário

Ana Marcela é eleita melhor nadadora de águas abertas do mundo

Pela quarta vez, a nadadora Ana Marcela Cunha foi eleita a melhor atleta de maratonas aquáticas do mundo pela Federação Internacional de Natação (Fina) . A cerimônia de premiação foi realizada no último sábado (2), em Sanya, na China. 

Os outros troféus da brasileira foram ganhos em 2010, 2014 e 2015. Desta vez, o prêmio foi conquistado pelas grandes atuações da maratonista em 2017: três medalhas no Mundial de Budapeste, além do vice-campeonato do Circuito Mundial de águas abertas.

Nesta semana, entre os dias 6 e 9 de dezembro, Ana Marcela Cunha disputa o Campeonato Brasileiro Sênior, no Rio de Janeiro, torneio que ainda reunirá nadadores como César Cielo, João Gomes Junior, Etiene Medeiros, Gabriel Silva Santos, Marcelo Chierighini e Nicholas Santos, todos medalhistas no Campeonato Mundial de Budapeste, em julho deste ano.

Os Correios, patrocinadores oficiais dos esportes aquáticos desde 1991, comemoram o prêmio e parabenizam Ana Marcela Cunha pela conquista.

Publicado em Patrocínios | Com a tag , , | Deixar um comentário