Correios amplia atuação no e-commerce

O comércio eletrônico vem ganhando cada vez mais destaque para os Correios: apenas no ano passado, a estatal realizou a postagem de 16 milhões de objetos a mais em comparação a 2015. Entre as ações de destaque está o resultado de encomendas no período da Black Friday, que registrou aumento de cerca de 10%.

O crescimento durante a principal ação promocional do e-commerce demonstra o fortalecimento da atuação da empresa no segmento, uma vez que o número de pedidos realizados em 2016 foi 4% superior ao do ano anterior, conforme dados do e-BIT.

Planejamento — Lojistas virtuais e consumidores finais têm utilizado, cada vez mais, os serviços de encomendas dos Correios – de entregas expressas ou não – para o envio e recebimento de produtos adquiridos via web, atendendo às diferentes necessidades de preços e prazos.

Para reforçar o compromisso da empresa com este setor, em 2017 estão sendo concentrados esforços para o desenvolvimento de soluções, bem como para adequação da oferta de serviços de encomendas voltadas ao e-commerce.


Esta entrada foi publicada em Negócios e Mercado e marcada com a tag , , . Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

Prezado leitor,

Só serão publicados comentários diretamente associados ao tema do post. Comentários com conteúdo ou termos ofensivos não serão publicados. Informações, dúvidas, sugestões ou reclamações sobre serviços devem ser encaminhadas ao Fale com os Correios

4 respostas a Correios amplia atuação no e-commerce

  1. GLEYDSON A SILVA disse:

    aumento seria se começasse a atender fora do rio de janeiro e são paulo, ou seja acrescentasse outros Estados.

  2. Consumidor Insatisfeito disse:

    Concordo plenamente !!!
    Os Correios precisam realmente concentrar esforços para reforçar o compromisso com este setor em 2017, porque o ultimo trimestre de 2016…. foi lastimável.

    Vários amigos não receberam encomendas natalinas que adquiriram em sites de compras no exterior. Os objetos foram postados em novembro e dezembro e, segundo rastreio dos Correios, logo foram liberados pela RF em Curitiba mas depois… simplesmente “sumiram”.
    Como assim ?
    A resposta dos Correios é sempre a mesma: “não localizado no fluxo postal”.
    Eu mesmo não recebi 03 objetos, pois foram extraviados e “fiquei a ver navios”.

    Quem aposta que em 2017 este serviço dos Correios vai ser mais eficiente ?
    E quem aposta que não ?

    Um “Feliz Natal” para os Correios !!!

  3. Claiton a Silva disse:

    De que adianta um planejamento tão falho que não consegue entregar encomendas no prazo estipulado.
    O prazo das outras transportadoras é muito melhor e muito mais barato que o dos correios, quando compro pela Internet peço que seja entregue por transportadora e não pelos correios.
    Serviços muito caro e de má qualidade.

  4. alex disse:

    porcaria de serviço

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *