Correios assina contrato de patrocínio com o rugby brasileiro

O contrato de patrocínio dos Correios com a Confederação Brasileira de Rugby tem dois anos de duração. Foto: João Neto/FotojumpOs Correios e a Confederação Brasileira de Rugby (CBRu) assinaram, esta semana, contrato de patrocínio esportivo para o período de dois anos. Assim, os Correios passarão a ser um dos principais patrocinadores do rugby brasileiro.

O presidente dos Correios, Guilherme Campos, afirma que a assinatura do contrato de patrocínio com a Confederação Brasileira de Rugby, além de ser importante para dar visibilidade às marcas Correios e Sedex, ajuda a fomentar o esporte no país e auxilia no desenvolvimento de ações sociais relacionadas à prática esportiva. “Desde 2010 o rugby vem apresentando forte crescimento no Brasil. Em nível mundial, a Copa do Mundo de Rugby é o terceiro maior evento esportivo, ficando atrás somente dos Jogos Olímpicos e da Copa do Mundo de Futebol. A confederação é exemplo de boas práticas em gestão esportiva. Estamos animados em fazer parte do crescimento e divulgação da modalidade no país”, defende.

Segundo Agustin Danza, CEO da CBRu, o patrocínio dos Correios contribuirá para aumentar a visibilidade do rugby brasileiro. “Estamos muito orgulhosos e felizes de poder contar com o apoio de uma empresa como os Correios, reconhecida no mercado pelo seu trabalho constante de longo prazo para o crescimento do esporte brasileiro. Com esse apoio, teremos chances ainda maiores de poder atingir nossos objetivos estratégicos e colocar o rugby brasileiro como um esporte de relevância no Brasil e no mundo”, explica.

De acordo com a Kantar Ibope, no ano de 2016 a CBRu teve a maior audiência média em mais de 70% dos mercados avaliados na RedeTV e a melhor performance nas principais praças desse canal. Adicionalmente, A CBRu aumentou em 450% o valor do seu espaço ocupado na mídia, de R$ 24 milhões, no primeiro semestre de 2015, para R$ 130 milhões, no 1º semestre de 2016, o que demonstra um incremento constante na exposição da marca, audiência e retorno para seus patrocinadores.

Além do rugby, os Correios também patrocinam os desportos aquáticos, o tênis e o handebol brasileiros.


Esta entrada foi publicada em Patrocínios e marcada com a tag , . Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

Prezado leitor,

Só serão publicados comentários diretamente associados ao tema do post. Comentários com conteúdo ou termos ofensivos não serão publicados. Informações, dúvidas, sugestões ou reclamações sobre serviços devem ser encaminhadas ao Fale com os Correios

10 respostas a Correios assina contrato de patrocínio com o rugby brasileiro

  1. Rosa disse:

    Queria saber se patrocínio é mais importante do que saúde?
    Pq vcs não pegam esse dinheiro e vão pagar os credenciados do postal saúde que estão a meses sem receber e os beneficiários sem atendimento.

  2. Bárbara disse:

    Isso é realmente muito legal!

    Eu particularmente não conheço muito bem o rugby, mas dou meus parabéns aos correios e peço que procure “apresentá-lo”, como a todos os outros esportes que são patrocinados também, mais a mídia. Algo que chame ainda mais gente curiosa e as torne fanaticas~

    Felizmente o Brasil não tem só futebol, há outros esportes que somos muito bons também. Quem sabe se não melhores?

  3. Marcelo disse:

    É mesmo uma vergonha a empresa passando por dificuldades e gastando a toa porque não investir nos funcionários que realmente mantém essa empresa é uma pena termos maus administradores a frente da nossa empresa

  4. deus disse:

    eles patrocinam o rugby, porque eles pegam 90% devolta em subpropinas.

    kkkkk

  5. Odacir Marcos Bernardi disse:

    Colegas, como vocês imaginam que um sistema capitalista sobrevive sem investimento maciço em publicidade??

  6. Marcos Roberto Marques disse:

    Não é à toa que a ECT está numa situação lamentável. Que visão espetacular do presidente da empresa: patrocinar o rugby e esperar retorno.

  7. Mané disse:

    Deve fazer parte do plano de reestruturação, gastar milhões com patrocínio. Quanto vão gastar? É bom divulgar até para justificar o não pagamento dá por também em 2017.

  8. Cesário disse:

    Como que os Correios pode fazer isto. Se a administração fala em deficit e congelar as Férias dos empregados. Quer dizer que todos os jogadores ou atletas vão nos ajudar a entregar a correspondências agora. Se tem dinheiro para patrocinar, também tem dinheiro para apagar nossas férias.

  9. car disse:

    Futebol é a paixão do brasileiro, esquece nenhum outro esporte deixara de ser a paixão de minoria.

  10. car disse:

    Caro chefe que tal mala direta? que tal os carteiros que cruzam o país todo com suas roupas que chamam a atenção?.